Produção manufatureira dos EUA tem forte aumento em abril

Fábrica da Toyota em San Antonio, Texas (EUA)

WASHINGTON (Reuters) - A produção manufatureira dos Estados Unidos saltou em abril, impulsionada por um aumento na produção de veículos automotores, mas a fabricação continua limitada por juros mais altos.

A produção manufatureira acelerou 1,0% no mês passado, informou o Federal Reserve nesta terça-feira. Já os dados de março foram revisados para mostrar que a produção nas fábricas caiu 0,8%, em vez dos 0,5% relatados anteriormente.

Economistas consultados pela Reuters previam que a produção avançaria 0,1% em abril. A produção caiu 0,9% na comparação anual no mês.

A produção de veículos automotores aumentou 9,3% no mês passado, após cair 1,9% em março. Excluindo veículos automotores, a produção manufatureira se recuperou 0,4%, após cair 0,7% em março.

A manufatura, que responde por 11,3% da economia norte-americana, tem sido prejudicada por custos de empréstimos mais altos, que estão afetando a demanda por bens, normalmente comprados a crédito. Os gastos também estão mudando de bens para serviços.

As empresas estão mantendo excesso de estoques à medida que a demanda diminui, reduzindo o incentivo para fazer mais pedidos às fábricas. A pressão também é vista no aperto das condições de financiamento dos bancos, o que pode tornar o crédito inacessível para algumas pequenas e médias empresas, bem como para os consumidores.

(Por Lucia Mutikani)