Mercado fechará em 3 h 50 min

Procuradoria Eleitoral aciona TSE contra bloqueio de rodovias

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O vice-procurador-geral Eleitoral, Paulo Gonet, pediu ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que adote providências para restaurar a normalidade nas rodovias brasileiras. A corte eleitoral é presidida pelo ministro Alexandre de Moraes.

No documento enviado ao tribunal na noite desta segunda (31), Gonet requer que as medidas sejam tomadas com cautela e mediante orientação à PRF (Polícia Rodoviária Federal), "para evitar o agravamento da situação e garantir o livre trânsito de veículos, bens e pessoas em todas as rodovias do país".

"Desafios dessa espécie atingem o processo eleitoral, no que tange à sua legitimidade e eficácia como forma de expressão da vontade popular", afirmou o vice-PGE.

Gonet é designado para a função de tocar o dia a dia da Procuradoria junto ao TSE por Augusto Aras, titular do posto.

O pedido foi feito com base em notícias sobre manifestações realizadas por caminhoneiros. Os bloqueios atingem rodovias federais em diversos estados.

Mais cedo, a 7ª Câmara de Coordenação e Revisão do Ministério Público Federal solicitou da PRF, em 24 horas, informações sobre as providências que estão sendo adotadas para garantir a manutenção do fluxo nas rodovias federais. O colegiado cuida de procedimentos relacionados ao controle externo das atividades das polícias.