Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.794,28
    -1.268,26 (-1,10%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.192,33
    +377,16 (+0,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,63
    +0,02 (+0,03%)
     
  • OURO

    1.752,90
    -3,80 (-0,22%)
     
  • BTC-USD

    47.589,36
    -556,98 (-1,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.209,85
    -23,43 (-1,90%)
     
  • S&P500

    4.473,75
    -6,95 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    34.751,32
    -63,07 (-0,18%)
     
  • FTSE

    7.027,48
    +10,99 (+0,16%)
     
  • HANG SENG

    24.667,85
    -365,36 (-1,46%)
     
  • NIKKEI

    30.323,34
    -188,37 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    15.506,25
    -11,50 (-0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2009
    +0,0049 (+0,08%)
     

Procon-SP notifica Itaú, Nubank e outros sobre "golpe do boleto"

·1 minuto de leitura
Procon-SP notifica empresas financeiras. Foto: Reprodução da Internet.
Procon-SP notifica empresas financeiras. Foto: Reprodução da Internet.
  • O "novo golpe do boleto" consiste em falsificar formas de pagamentos, roubando os usuários;

  • Os golpistas direcionam os clientes para sites que imitam o layout do banco;

  • Procon-SP espera reposta em até 72 horas após o dia 8 de setembro

A prática conhecida como “novo golpe do boleto” está enganando muitos clientes por todo o Brasil. Como medida para alertar bancos e instituições financeiras sobre a ação criminosa, o Procon-SP notificou empresas como o Itaú, Nubank, Banco Pan, Banco do Brasil (BB) e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

O “novo golpe do boleto” consiste na ação se obter dados a partir de vazamento de informações sensíveis, situação recorrente no país.

Leia também

Dessa forma, os golpistas conseguem informações como nome completo, CPF e número de telefone. A vítima do golpe recebe então uma mensagem dos criminosos, que oferece renegociação de dívidas e até desconto de pagamento à da fatura do cartão de crédito. Uma situação comum é o recebimento do boleto em mensagem falsa por SMS, no qual um link fornece a segunda via para ser paga.

As vítimas são direcionadas a páginas que imitam os layouts dos bancos. Nesse momento muitas pessoas são enganadas e acabam pagando o boleto falso e perdendo seu dinheiro.

Segundo o Procon-SP, é responsabilidade dos bancos, fintechs e associações financeiras serem mais claras quanto os mecanismo de segurança disponíveis, pois dessa forma o cliente poderá desconfiar se um boleto é realmente autêntico. O órgão também deseja saber se as empresas estão desenvolvendo medidas para coibir essa espécie de golpe.

Por causa do feriado do dia 7 de setembro, o Procon-SP deu prazo de 72 horas, após o dia 8, para receber a resposta das empresas financeiras.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos