Mercado abrirá em 9 h 56 min
  • BOVESPA

    114.064,36
    +1.782,08 (+1,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.464,27
    +125,93 (+0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,09
    -0,21 (-0,29%)
     
  • OURO

    1.751,10
    +1,30 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    44.488,48
    +790,34 (+1,81%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.113,19
    +4,27 (+0,38%)
     
  • S&P500

    4.448,98
    +53,34 (+1,21%)
     
  • DOW JONES

    34.764,82
    +506,50 (+1,48%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.605,73
    +94,75 (+0,39%)
     
  • NIKKEI

    30.200,89
    +561,49 (+1,89%)
     
  • NASDAQ

    15.301,00
    -2,50 (-0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2248
    -0,0002 (-0,00%)
     

Procon promove negociação entre clientes e empresas de viagem

·1 minuto de leitura
Evento será realizado online. Foto: Getty Images.
Evento será realizado online. Foto: Getty Images.
  • Inscrições estão abertas do dia 13 a 17 de setembro

  • Evento será realizado online

  • Queixas contra empresas multiplicaram durante a pandemia

O Procon do estado do Rio de Janeiro está promovendo um feirão de negociação online entre clientes e empresas de viagens. As inscrições para o evento virtual começam na próxima segunda-feira (13) e vão até o dia 17 de setembro. Para participar, basta fazer o cadastro através do site do Procon.

Com um aumento expressivo de reclamações contra empresas aéreas e agências de viagem por parte dos clientes durante a pandemia, que passaram de 1.117 em 2019 a 4 mil nos últimos meses, o setor do turismo foi um dos mais afetados ao longo do isolamento social. Entre as empresas que vão participar do mutirão de negociações do Procon estão Gol, Azul, Latam, Emirates, CVC, Decolar, Viajanet, 123 Milhas, Max Milhas e Smiles.

Leia também:

Com o início da pandemia e o constante cancelamento de voos, as companhias aéreas foram alvo de um sem-fim de queixas por parte de seus clientes. Devido a isso, o feirão de negociações do Procon-RJ visa atender as demandas dos consumidores e mitigar os impactos econômicos em um setor já fragilizado no Brasil.

Para evitar aglomerações, o evento será realizado de forma virtual e será intermediado por funcionários do Procon do Rio de Janeiro. Segundo Cássio Coelho, presidente do órgão, “o setor está voltando ao normal e, consequentemente, o número de reclamações vem aumentando. Será uma excelente oportunidade para consumidores e fornecedores chegarem a um acordo favorável para ambas as partes”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos