Mercado abrirá em 4 h 29 min
  • BOVESPA

    112.486,01
    +1.576,40 (+1,42%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.684,86
    +1.510,80 (+3,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    80,27
    -0,28 (-0,35%)
     
  • OURO

    1.793,20
    +33,30 (+1,89%)
     
  • BTC-USD

    17.109,44
    +231,18 (+1,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    405,20
    +4,50 (+1,12%)
     
  • S&P500

    4.080,11
    +122,48 (+3,09%)
     
  • DOW JONES

    34.589,77
    +737,24 (+2,18%)
     
  • FTSE

    7.573,05
    +61,05 (+0,81%)
     
  • HANG SENG

    18.894,05
    +296,82 (+1,60%)
     
  • NIKKEI

    28.226,08
    +257,09 (+0,92%)
     
  • NASDAQ

    12.055,25
    +13,00 (+0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4083
    +0,0118 (+0,22%)
     

Procon pede que Quatá mude embalagem de soro de leite

Procon quer que a empresa altere o rótulo do produto (Getty Image)
Procon quer que a empresa altere o rótulo do produto (Getty Image)
  • Procon solicitou que a empresa mude a embalagem do item;

  • Marca vendia soro de leite em embalagem semelhante ao produto que deriva;

  • Fiscalização diz que semelhança pode confundir os consumidores.

Há algumas semanas um assunto tem gerado polêmica: os consumidores estão comprando soro de leite achando que é o produto integral.

Para barrar essas confusões, o Procon decidiu agir. O órgão de fiscalização paulista solicitou que a empresa Quatá Alimentos mude a embalagem do soro de leite que vem sendo vendido com o nome de Bebida Láctea Cristina.

Para o Procon, a embalagem do soro de leite tem apresentação semelhante à do leite, podendo induzir o comprador a erro. A empresa foi notificada no início do mês e precisa apresentar explicações sobre o ocorrido. Agora, a companhia deve ser convocada para fazer as adequações na embalagem. A ideia é que o consumidor não adquira o soro de leite pensando que está comprando leite.

A entidade diz ainda que que a embalagem do soro de leite contém o desenho de uma vaca. Essa ilustração poderia levar o cliente a comprar o produto achando que é outra coisa, de acordo com o órgão.

A fiscalização explica que a utilização desse tipo de imagem em embalagens ou rótulos de leites fluidos, leites em pó, leites modificados e similares de origem vegetal é vetada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e pela lei que regulamenta a comercialização de alimentos para lactentes e crianças de primeira infância.

Vale lembrar que a bebida, apesar de lembrar o leite, não possui as mesmas vitaminas e minerais. Ela não é adequada para suprir as necessidades de crianças e adultos e não causará o efeito do leite longa vida no organismo de quem consome.

Em nota enviada ao Yahoo Finanças, a Quatá Alimentos informou:

A Nova Mix, empresa responsável pela Bebida Láctea UHT Cristina, não recebeu solicitação do Procon-SP para mudanças na embalagem do produto e aguarda a reunião com o órgão, para a qual a Nova Mix foi convidada a participar.

Reiteramos que o produto é uma Bebida Láctea UHT e que é produzido pela Nova Mix.

Posicionamento de venda

A Nova Mix não comercializa produtos diretamente ao consumidor. A foto retratada nas redes sociais foi tirada em um ponto de venda onde o produto foi erroneamente anunciado como soro de leite. Ratificamos que o produto comercializado é uma bebida láctea UHT.

Reforçamos com nossos canais de venda que os estabelecimentos comerciais destaquem corretamente a classificação do produto e contribuam para que o consumidor identifique claramente qual produto está adquirindo.