Mercado abrirá em 9 h 39 min
  • BOVESPA

    96.582,16
    +1.213,40 (+1,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    36.801,37
    -592,34 (-1,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    36,40
    +0,23 (+0,64%)
     
  • OURO

    1.871,80
    +3,80 (+0,20%)
     
  • BTC-USD

    13.545,34
    +114,67 (+0,85%)
     
  • CMC Crypto 200

    265,74
    +23,06 (+9,50%)
     
  • S&P500

    3.310,11
    +39,08 (+1,19%)
     
  • DOW JONES

    26.659,11
    +139,16 (+0,52%)
     
  • FTSE

    5.581,75
    -1,05 (-0,02%)
     
  • HANG SENG

    24.509,39
    -77,21 (-0,31%)
     
  • NIKKEI

    23.152,24
    -179,70 (-0,77%)
     
  • NASDAQ

    11.197,50
    -145,25 (-1,28%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7507
    +0,0051 (+0,08%)
     

Processo de resgate por fundos não tem acelerado na margem, diz Serra

Por Marcela Ayres
·1 minuto de leitura
.
.

Por Marcela Ayres

BRASÍLIA (Reuters) - O diretor de Política Monetária do Banco Central, Bruno Serra, avaliou nesta quarta-feira que o processo de resgate pelos fundos não tem acelerado na margem e que o quadro, em relação a esse risco prudencial, está mais tranquilo do que os cenários mais preocupantes poderiam sugerir.

Em live promovida pela Renascença DTVM e Panamby Capital, Serra também pontuou que, com o Tesouro recuperando as LFTs como instrumento de captação, o governo voltará a conseguir emitir seu instrumento tradicional para a indústria de fundos e "essa questão técnica vai sair de cena como pressão".