Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.580,79
    +234,97 (+0,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    -72,85 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,38
    +0,61 (+0,56%)
     
  • OURO

    1.865,80
    +0,40 (+0,02%)
     
  • BTC-USD

    29.589,24
    +413,42 (+1,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    659,94
    +4,11 (+0,63%)
     
  • S&P500

    3.941,48
    -32,27 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.928,62
    +48,38 (+0,15%)
     
  • FTSE

    7.484,35
    -29,09 (-0,39%)
     
  • HANG SENG

    20.112,10
    -357,96 (-1,75%)
     
  • NIKKEI

    26.748,14
    0,00 (0,00%)
     
  • NASDAQ

    11.840,75
    +69,75 (+0,59%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1692
    -0,0030 (-0,06%)
     

Principais tipos de pneus para carros, motos e caminhões

·6 min de leitura

Parte fundamental de um veículo, os pneus são muito mais do que simplesmente um acessório redondo, feito de borracha. Mas você sabe quantos tipos de pneus existem para carros, motos, caminhões? E quais deles são os mais indicados para cada tipo de situação?

Antes, porém, mais um pouqunho sobre a importância dos pneus. Para quem não sabe, são eles os responsáveis por suportar o peso do veículo, reduzir o impacto de buracos no solo, transmitir o torque do motor ao chão e, com isso, fazer o carro andar e usar a resistência contra as rodas para frear o veículo.

Existem diferentes tipos de pneus para carros, motos, caminhões e outros veículos (Imagem: Yash Savla/Unsplash/CC)
Existem diferentes tipos de pneus para carros, motos, caminhões e outros veículos (Imagem: Yash Savla/Unsplash/CC)

Além disso, é o pneu certo que dá estabilidade, conforto e até influi na autonomia dos veículos. Para não correr o risco de colocar o pneu errado e arcar com gastos desnecessários, o Canaltech elenca os principais tipos de pneus para carros, motos e outros veículos.

Pneus para carros

Vamos começar enumerando os diferentes tipos de pneus para carros. Nesse primeiro segmento, vamos incluir, além dos carros de passeio, caminhonetes, como Strada ,Saveiro ou Montana; furgões leves (vans) e SUVs, combinado? Então vamos lá.

1. Pneus On-road (convencionais)

Como o próprio nome já diz, é o pneu mais comum, indicado para tarefas do cotidiano e para terrenos asfaltados. Esse tipo de pneu tem sulcos menores, que proporcionam maior contato com o solo. Ou seja: aumentam a aderência e a eficiência ao escoar água.

2. Pneus Off-road

Mais uma vez o nome “entrega” o principal objetivo do pneu. O off-road é escolhido por donos de carros com espírito aventureiro. Quem opta por esse tipo sabe que está equipando o veículo com pneus dotados de uma banda de rodagem mais espaçada, mais reforçada e com sulcos mais largos. Afinal, cascalho, terra e lama certamente fazem parte de seu trajeto diário.

Pneus off-road são ótimos para quem curte terrenos mais difíceis (Imagem: Neon Brand/Unsplash/CC)
Pneus off-road são ótimos para quem curte terrenos mais difíceis (Imagem: Neon Brand/Unsplash/CC)

3. Pneus Mistos

O terceiro entre os principais tipos de pneus para carros são os chamados mistos. São estes os mais adotados pelas montadoras para equipar os SUVs. A ideia é que eles sejam utilizados mais em perímetro urbano, mas que também permitam os carros se aventurarem por trechos mais enlameados.

Apesar de ter um design atraente, esse tipo de pneu costuma elevar o nível de ruído e de consumo de combustível dos carros.

Pneus como o do Jeep Renegade Moab são de uso misto (Imagem: Paulo Amaral/Canaltech)
Pneus como o do Jeep Renegade Moab são de uso misto (Imagem: Paulo Amaral/Canaltech)

4. Pneus Radiais

Outro nome bastante ouvido quando falamos sobre tipos de pneus são os radiais. E o que são eles? Os pneus radiais são construídos com bandas de rodagens mais resistentes e com ótima aderência nas curvas e resposta nas frenagens. Por isso, são os favoritos para quem curte carros esportivos ou esportivados. Ou seja: para quem gosta de cravar o pé no acelerador, de preferência nos lugares certos para fazer isso.

Pneus radiais são os preferidos de quem tem carros com pegada esportiva (Imagem: Erik Mclean/Unsplash/CC)
Pneus radiais são os preferidos de quem tem carros com pegada esportiva (Imagem: Erik Mclean/Unsplash/CC)

5. Pneus Verdes

O nome já diz tudo, não é? Pneus verdes são os que apresentam uma preocupação ambiental em seu processo de fabricação. Eles são mais leves, duram mais e produzem menos ruídos, além de ajudar a diminuir o consumo de combustível e a emissão de gases.

Para fechar o pacote, possuem ótimo desempenho em pistas molhadas, ou seja, é difícil aquaplanar um veículo equipado com esse tipo de pneus. São os preferidos pelas montadoras para equipar boa parte dos novos carros elétricos.

Muitos modelos de carros elétricos saem com os chamados pneus verdes (Imagem: John Cameron/Unsplash/CC)
Muitos modelos de carros elétricos saem com os chamados pneus verdes (Imagem: John Cameron/Unsplash/CC)

6. Pneus de Carga

Indicados para quem utiliza picapes para carregar bastante peso e para SUVs destinados a esse propósito, os pneus de carga podem ser marcados com a letra “C” ou com a sigla “LT” (Light Truck) logo após as tradicionais medidas.

Eles são mais caros que os tradicionais, mas são mais resistentes e, por isso, indicados para esse uso em especial.

Picapes costumam sair equipadas com pneus "C" ou "LT" (Imagem: Dylan McLeod/Unsplash/CC)
Picapes costumam sair equipadas com pneus "C" ou "LT" (Imagem: Dylan McLeod/Unsplash/CC)

Pneus para caminhões

Assim como acontece com os carros, também há diferentes tipos de pneus para diferentes utilizações de caminhões. Os dois primeiros, no entanto, têm exatamente as mesmas funções dos detalhados para carros: off-road e mistos. Além deles, há outros três, que citaremos a seguir.

Há 5 tipos diferentes de pneus para caminhões (Imagem: Brian Stalter/Unsplash/CC)
Há 5 tipos diferentes de pneus para caminhões (Imagem: Brian Stalter/Unsplash/CC)

1. Baixa Severidade

Equivalente ao on-road dos carros comuns, os pneus de baixa severidade são indicados para quem utiliza os caminhões em estradas asfaltadas ou vias expressas. Eles suportam menos peso e menos calor do que outros tipos.

2. Média Severidade

Indicados para os caminhões que costumam fazer viagens regionais, os pneus de média severidade são uma versão paralela dos mistos, pois servem para os caminhoneiros que encaram estradas e pequenos trechos urbanos durante as viagens.

3. Alta Severidade

Indicado para caminhões que carregam cargas muito pesadas, precisam fazer manobras difíceis, acelerar e frear constantemente. Ou seja: ao contrário do que poderíamos imaginar, ele é ideal para rodar na cidade, principalmente se o motorista do caminhão precisa fazer várias entregas ao dia, mas em curtas distâncias.

Pneus para motos

As motos também dependem — e muito — da escolha certa dos pneus para não colocar em risco a vida do piloto e do eventual garupa. Afinal, ao contrário dos carros e caminhões, a moto não tem qualquer proteção em caso de acidente.

Vamos, então, aos tipos principais de pneus para motos.

1. Slick ou Race

É o tipo de pneu mais procurado por quem quer usar a moto em pistas. Como a banda de rodagem é lisa e sem sulcos, a velocidade é garantida. Mas atenção: esse tipo de pneu não é permitido para ruas e rodovias.

Quem usa a moto nas pistas deve usar pneus tipo race (Imagem: William Daigneault/Unsplash/CC)
Quem usa a moto nas pistas deve usar pneus tipo race (Imagem: William Daigneault/Unsplash/CC)

2. Touring ou GT

Fabricado para ser mais rígido no centro e mais macio nas extremidades, é o tipo de pneu ideal para motos mais pesadas e, principalmente, para viagens. São excelentes para encarar estradas molhadas.

Pneus Touring são mais rígidos, ideais para motos pesadas (Imagem: Harley Davidson YSA/Unsplash/CC)
Pneus Touring são mais rígidos, ideais para motos pesadas (Imagem: Harley Davidson YSA/Unsplash/CC)

3. Street Radial

Esses pneus são usados por motos menores, até 300 cilindradas, e enquandram-se na categoria de mistos urbanos. São os mais comuns de se encontrar, pois apresentam sulcos até o final da bandagem, aumentando a aderência, especialmente em pisos irregulares.

4. Mistos Duplo Compostos

São da mesma “família” dos pneus Street Radial, mas mais indicados para quem possui motos acima de 300 cilindradas e, com isso, alcança maiores velocidades.

E aí, tirou suas dúvidas sobre pneus de carros, caminhões e motos? Faltou alguma informação importante? Compartilhe conosco em nossas redes sociais.

Com informações Tecfil, ProteAuto, Garagem 360, Moto Online

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos