Mercado fechará em 5 h 29 min

Primeiro supercarro da Lamborghini vai a leilão

De acordo com o histórico da marca, o veículo foi entregue como zero-km na Itália e logo em seguida foi importado para os Estados Unidos, onde teve o seu motor V12 substituído por um V8 da Chevrolet (Reuters)
De acordo com o histórico da marca, o veículo foi entregue como zero-km na Itália e logo em seguida foi importado para os Estados Unidos, onde teve o seu motor V12 substituído por um V8 da Chevrolet (Reuters)
  • Lamborghini Miura irá a leilão pela RM Sotheby’s nesta sexta-feira

  • Esportivo teve apenas 762 unidades produzidas e o exemplar que será leiloado é o de número 135

  • Especialistas da RM Sotheby’s estimam que o veículo será leiloado por até R$ 9 milhões

Um raro Lamborghini Miura irá a leilão pela RM Sotheby’s nesta sexta-feira (9) na Suíça. Fabricado no ano de 1968, o modelo é considerado um dos primeiros com modificações no chassi para melhorar a rigidez e o manuseio do carro na pista. As informações são do Olhar Digital.

O esportivo teve apenas 762 unidades produzidas e o exemplar que será leiloado é o de número 135. De acordo com o histórico da marca, o veículo foi entregue como zero-km na Itália e logo em seguida foi importado para os Estados Unidos, onde teve o seu motor V12 substituído por um V8 da Chevrolet. No entanto, o proprietário seguinte fez questão de restaurar o modelo com as especificações de fábrica, incluindo a transmissão e a volta do propulsor original.

Especialistas da RM Sotheby’s estimam que o veículo será leiloado por valores que variam de 1,4 a 1,65 milhões de euros, aproximadamente R$ 9 milhões.

Um leilão no Brasil

Em julho, a Lamborghini Gallardo LP 560-4 de Cláudio José de Oliveira, conhecido como o ‘Rei do Bitcoin’, foi arrematada em leilão por R$ 805 mil em Curitiba, no Paraná. Após 27 lances, o veículo foi comprado por um morador do Rio de Janeiro.

O automóvel foi apreendido em julho de 2021 pela Polícia Federal durante a Operação Daemon, que investigou um grupo responsável por desviar mais de R$ 1,5 bilhão e causar danos a mais de 7 mil pessoas em negociações de criptomoedas.

O carro, que estava avaliado em R$ 629 mil, foi vendido por R$ 805 mil acrescidos de uma comissão de pouco mais de R$ 40 mil, destinados ao leiloeiro.

O automóvel ano 2009/2010 tem um motor de 10 cilindros e 560 cv de potência e vai de 0 a 100 km/h em apenas 3,7 segundo, podendo chegar a uma velocidade máxima de 325 km/h.