Mercado fechará em 6 h 57 min
  • BOVESPA

    100.774,57
    -1.140,88 (-1,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.007,16
    +308,44 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,42
    +0,85 (+1,30%)
     
  • OURO

    1.778,50
    -5,80 (-0,33%)
     
  • BTC-USD

    56.315,78
    -885,63 (-1,55%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.439,48
    -29,60 (-2,01%)
     
  • S&P500

    4.513,04
    -53,96 (-1,18%)
     
  • DOW JONES

    34.022,04
    -461,68 (-1,34%)
     
  • FTSE

    7.111,59
    -57,09 (-0,80%)
     
  • HANG SENG

    23.788,93
    +130,01 (+0,55%)
     
  • NIKKEI

    27.753,37
    -182,25 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.904,00
    +34,25 (+0,22%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4568
    +0,0100 (+0,16%)
     

Primeiro MacBook com tela OLED mais brilhante pode demorar mais que o esperado

·2 min de leitura

A Apple lançou este ano os novos MacBook Pro com tela Mini LED oferecendo um desempenho mais próximo do OLED — com pretos mais profundos e alto contraste —, mas o objetivo da marca ainda é levar a tela OLED aos seus notebooks, e parece que tal desejo dos fãs e da Apple deve demorar mais que o previsto.

Informações publicadas pelo jornal coreano The Elec revelam que a Apple teria adiado os planos de lançar um MacBook OLED em 2025, afirmando que "o grande obstáculo [da Gigante] de Cupertino em aplicar o OLED tem sido o custo."

Apple preparava lançamento de novo MacBook com tela OLED em 2025, mas planos atrasam (Imagem: Reprodução/Apple)
Apple preparava lançamento de novo MacBook com tela OLED em 2025, mas planos atrasam (Imagem: Reprodução/Apple)

A Apple está buscando um novo painel com estrutura empilhada de duas camadas de emissores RGB com objetivo de dobrar o brilho da tela e aumentar a vida útil do display.

Apple quer tela OLED mais brilhante e duradoura

As atuais telas OLED são projetadas em apenas uma camada RGB, por isso a Apple tem optado pelo painel Mini LED, que é mais brilhante, controla a luminosidade por zonas e oferece pretos mais escuros que o painel LED tradicional.

Como alternativa ao OLED, Apple adota tela Mini LED com zonas de iluminação para altíssimo contraste e pretos profundos (Imagem: Reprodução/Apple)
Como alternativa ao OLED, Apple adota tela Mini LED com zonas de iluminação para altíssimo contraste e pretos profundos (Imagem: Reprodução/Apple)

Ainda seguindo o The Elec, a Apple estaria planejando lançar o primeiro iPad com tela OLED entre o fim de 2023 e início de 2024 utilizando a mesma solução de duas camadas empilhadas para maior brilho.

A estreia deve acontecer tanto no modelo de 12,9 polegadas do iPad Pro como no modelo mais compacto de 11 polegadas.

O desenvolvimento do painel OLED mais brilhante e de maior duração tem sido feito em parceria com as divisões de tela da LG e Samsung.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos