Mercado fechará em 6 h 50 min
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,31
    +0,87 (+1,06%)
     
  • OURO

    1.781,40
    +15,70 (+0,89%)
     
  • BTC-USD

    62.168,60
    +1.265,55 (+2,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.452,55
    +0,92 (+0,06%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.207,44
    +3,61 (+0,05%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.354,50
    +64,00 (+0,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4648
    +0,0733 (+1,15%)
     

Primeiras versões modificadas do Android 12 já estão disponíveis na web

·2 minuto de leitura

Uma das coisas mais bacanas de trabalhar com um sistema de código aberto como o Android é a possibilidade de criar suas próprias customizações em cima do código base. E agora que a versão 12 chegou ao Android Open Source Project, a primeira leva de modificações já surge na internet.

O Android 12 foi disponibilizado há menos de 72 horas, embora de modo restrito ao código-fonte que servirá de base para todas as modificações baseadas no sistema — até o momento, nem os Pixel receberam a atualização de fato. Para driblar essa limitação inicial, desenvolvedores já fizeram suas adaptações — são duas até agora — relativamente estáveis e as compartilharam nos fóruns da XDA-Developers.

O membro abhishk987, por exemplo, criou uma ROM (nome que se dá a modificações) para o Redmi K20 e para Xiaomi Mi 9T Pro bastante limpa e simplificada. O sistema inclui o Material You e o esperado mecanismo visual Dynamic Color para deixar as cores do sistema alinhadas ao papel de parede — embora o código "monet", que possibilita essa adaptação, não seja aberto, o usuário kdrag0n conseguiu reproduzi-lo de forma muito parecida à original.

Já o membro AndyYan foi ainda mais ousado e expandiu a sua modificação para rodar em qualquer aparelho compatível com o Project Treble, uma iniciativa do Google para tornar o Android mais "modular", portanto mais fácil de rodar em hardwares com bootloader desbloqueado. Como é algo que existe desde o Android 10, a maioria dos dispositivos com três ou até quatro anos de vida útil pode ser compartível com o Treble.

Experimentos e instabilidades

É claro que essas ROMs customizadas servem apenas para testadores e não devem ser instaladas em celulares para uso diário ou com dados sensíveis, porque estão mais sujeitas a falhas ou vulnerabilidades. Mesmo assim, não deixa de ser menos impressionante o trabalho árduo e rápido com que esses profissionais moldam o Android ao seu gosto.

A partir de agora, será bastante comum ver outras modificações do Android 12, sejam construídas sobre o sistema original, sejam aprimoramentos de outras imagens já trabalhadas. Isso não deve impactar na vida do usuário mais regular, que fica refém das atualizações liberadas pelo fabricante do celular, mas é algo muito bacana de ser observado.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos