Mercado fechado

Honda Civic híbrido chega ao Brasil mais econômico para desbancar o Corolla

A 11ª geração do Honda Civic chegará ao Brasil disposta a desbancar o Toyota Corolla, seu principal rival, do posto de um dos sedans mais vendidos do País em 2022. A batalha, que começou há muitos anos entre os modelos a combustão, agora será disputada no segmento de eletrificados.

A versão híbrida do Honda Civic, batizada de Civic e:HEV, ficou maior (4,67 m) e mais larga (1,80 m). A altura se manteve em 4,13 m, enquanto o entre-eixos chegou aos 2,73 m. O sedan será fabricado na Tailândia e vendido em vários países, incluindo o Brasil.

Nova geração do Civic, agora com motor híbrido, ficou maior e mais larga que a anterior (Imagem: Divulgação/Honda)
Nova geração do Civic, agora com motor híbrido, ficou maior e mais larga que a anterior (Imagem: Divulgação/Honda)

Para manter fiel sua legião de fãs, o modelo apresentado por aqui chegou com números impressionantes, tanto em desempenho quanto em economia, principais apostas na luta particular contra o modelo da Toyotaque também vai mudar em 2023.

O material oficial da Honda afirma que o sistema e:HEV presente no Honda Civic híbrido “entrega acelerações típicas de modelos esportivos, além de reduzido nível de consumo de combustível”. Segundo o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular do Inmetro (PBEV), o sedan é capaz de rodar 18,3 km/l na cidade e 15,9 km/l na estrada.

Motorização híbrida deixou o Civic mais potente e mais econômico que o Toyota Corolla (Imagem: Divulgação/Honda)
Motorização híbrida deixou o Civic mais potente e mais econômico que o Toyota Corolla (Imagem: Divulgação/Honda)

A eficiência se dá por conta do conjunto mecânico, formado por um propulsor 2.0 a gasolina, que oferece 143 cv de potência e 19,1 kgfm de torque, e um motor elétrico, capaz de entregar 184 cavalos de potência e 32,1 kgfm de torque. Este segundo motor, aliás, faz a função de gerador de energia para a IPU — Intelligent Power Unit —, conjunto de baterias de íons de lítio posicionado sob o assento do banco traseiro.

Civic e:HEV: tecnologia e segurança de ponta

Não foi apenas em termos de motorização que a nova geração do Honda Civic se modernizou. O pacote de acessórios do Civic e:HEV também é digno de elogios, tanto no quesito tecnologia quanto no voltado para a segurança.

Os recursos voltados para conforto e interatividade contam com itens como bancos dianteiros com múltiplos ajustes elétricos para motorista e passageiro e estabilizador corporal, chave com partida remota do motor, central multimídia de 9 polegadas com Android Auto e Apple CarPlay, ar-condicionado dual zone com difusores frontais camuflados, assistente de voz, painel digital com 10,2 polegadas, banco traseiro com encosto rebatível, carregador wireless para celular, difusores de ar e portas USB iluminadas na traseira, teto solar e limpadores de pára-brisa inteligentes.

Pacote de tecnologia e segurança do Civic prometem impressionar (Imagem: Divulgação/Honda)
Pacote de tecnologia e segurança do Civic prometem impressionar (Imagem: Divulgação/Honda)

Já no que diz respeito à segurança, a marca equipou a 11ª geração do Civic com o Honda Sensing. Isso significa que o sedan rodará no Brasil com recursos de última geração, tais como:

  • ACC: Controle de cruzeiro adaptativo. Auxilia o motorista a manter uma distância segura em relação ao veículo detectado à sua frente. Ele conta com o Low Speed Follow, que permite a manutenção da distância do veículo à frente mesmo em baixas velocidades;

  • CMBS: Sistema de frenagem para mitigação de colisão. Aciona o freio ao detectar uma possível colisão frontal, com o objetivo de mitigar acidentes. Ele é capaz de detectar e identificar pedestres e veículos que estejam no mesmo sentido ou no sentido oposto. Bicicletas e motocicletas também podem ser detectadas pela câmera;

  • LKAS: Sistema de assistência de permanência em faixa. Detecta as faixas de rodagem e ajusta a direção com o objetivo de auxiliar o motorista a manter o veículo centralizado nas linhas de marcação;

  • RDM: Sistema para mitigação de evasão de pista. Detecta a saída da pista e ajusta a direção com o objetivo de evitar acidentes;

  • AHB: Ajuste automático de farol. Comutação noturna automática dos fachos baixo e alto dos faróis de acordo com a situação.

Ar-condicionado dual zone é um dos muitos recursos do Honda Civic híbrido (Imagem: Divulgação/Honda)
Ar-condicionado dual zone é um dos muitos recursos do Honda Civic híbrido (Imagem: Divulgação/Honda)

Honda Civic híbrido: preço e disponibilidade

O capricho da Honda nas configurações da nova geração do Civic tem um preço. E ele pode ser o único impeditivo no planejamento da marca de desbancar o Corolla híbrido do posto de um dos sedans mais vendidos no Brasil.

O modelo da Honda chega às lojas ao preço de R$ 244.990, enquanto o sedan da Toyota custa, segundo a tabela Fipe de 2023, R$ 177.833. A diferença de pouco mais de R$ 60 mil é pesada, mas o Civic e:HEV aposta na lealdade e na carência dos fãs do modelo para abocanhar essa fatia de mercado.

A nova geração do Civic será vendida a partir deste mês de janeiro, em quatro cores no Brasil: Cinza Basalto e Prata Platinum (metálicas), além do Branco Topázio e do Preto Cristal, com acabamento perolizado. A Honda oferece 3 anos de garantia, sem limite de quilometragem, exceto para as baterias do sistema híbrido, asseguradas por 8 anos ou 160 mil quilômetros.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: