Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.889,08
    +1.819,39 (+1,73%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.600,46
    +3,17 (+0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    69,78
    +3,52 (+5,31%)
     
  • OURO

    1.779,30
    -4,60 (-0,26%)
     
  • BTC-USD

    49.166,39
    +199,48 (+0,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.269,01
    +8,85 (+0,70%)
     
  • S&P500

    4.597,45
    +59,02 (+1,30%)
     
  • DOW JONES

    35.238,06
    +657,98 (+1,90%)
     
  • FTSE

    7.232,28
    +109,96 (+1,54%)
     
  • HANG SENG

    23.349,38
    -417,31 (-1,76%)
     
  • NIKKEI

    27.927,37
    -102,20 (-0,36%)
     
  • NASDAQ

    15.836,50
    +118,75 (+0,76%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4194
    +0,0241 (+0,38%)
     

Presidente da Coreia do Sul promete "era espacial" após fracasso de foguete

·1 min de leitura
Foguete KSLV-II NURI é lançado de sua plataforma de lançamento do Centro Espacial Naro em Goheung

Por Josh Smith

GOHEUNG, Coreia do Sul (Reuters) - O primeiro foguete espacial fabricado pela Coreia do Sul foi lançado nesta quinta-feira, mas não conseguiu colocar um satélite simulado em órbita, apresentando resultados mistos para um teste que representa um grande salto para os planos espaciais ambiciosos do país.

O foguete de três estágios KSLV-II Nuri decorado com a bandeira nacional partiu de sua plataforma de lançamento do Centro Espacial Naro às 17h.

O Nuri, ou "mundo", foi concebido para colocar cargas de 1,5 tonelada de 600 a 800 quilômetros acima da Terra, e é parte de um esforço espacial mais abrangente que vislumbra o lançamento de satélites de vigilância, navegação e comunicações, e até de sondas lunares.

O presidente Moon Jae-in, que observou a decolagem no centro espacial, disse que o foguete completou suas sequências de voo, mas não conseguiu colocar a carga de teste em órbita.

"Infelizmente, não atingimos totalmente nosso objetivo", disse ele em um discurso no local.

Ele elogiou os trabalhadores e disse que, apesar da missão incompleta, o projeto seguirá em frente.

"Não demorará muito para conseguirmos lançá-lo exatamente na trajetória visada", disse ele, de acordo com uma transcrição. "A 'Era Espacial Coreana' está se aproximando".

(Reportagem adicional de Heekyong Yang em Seul)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos