Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.113,93
    +413,26 (+0,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.726,98
    +212,88 (+0,44%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,07
    -0,39 (-0,61%)
     
  • OURO

    1.777,30
    +10,50 (+0,59%)
     
  • BTC-USD

    57.670,47
    -4.456,05 (-7,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,97
    +7,26 (+0,52%)
     
  • S&P500

    4.185,47
    +15,05 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    34.200,67
    +164,68 (+0,48%)
     
  • FTSE

    7.019,53
    +36,03 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    28.969,71
    +176,57 (+0,61%)
     
  • NIKKEI

    29.683,37
    +40,68 (+0,14%)
     
  • NASDAQ

    14.024,00
    +10,00 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6943
    -0,0268 (-0,40%)
     

Presidente da Amazon no Brasil deixará o cargo para assumir SoftBank

ISABELA BOLZANI
·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O presidente da Amazon no Brasil, Alex Szapiro, deixará a big tech para assumir a liderança do SoftBank no país. O executivo ficará em São Paulo e será responsável por supervisionar os investimentos, operações e equipe do Latin America Fund -fundo de investimentos voltado para companhias latino-americanas. Szapiro assumirá as novas funções em 13 de abril, reportando-se a Marcelo Claure, presidente do SBLA (gestor do SoftBank Latin America Fund) e vice-presidente do Softbank Group Corp --holding do SoftBank Group, que inclui participações em telecomunicações, serviços de internet, IA, robótica inteligente, IoT e fornecedores de tecnologia de energia limpa. Segundo Claure, Szapiro traz um histórico importante de negócios e empreendedorismo no Brasil, além de uma boa visão do cenário de investimentos no país. "Estamos entusiasmados em receber alguém do calibre de Alex como Head do Brasil, enquanto continuamos a olhar para toda a América Latina em busca das empresas que estão moldando o futuro da região", afirmou o executivo em nota. Na Amazon, Szapiro era responsável por iniciar as operações e executar estratégias de expansão de longo prazo no Brasil. Antes, foi gerente geral da Apple Brasil e ocupou diferentes cargos de liderança na Palm, no Submarino, na Motorola e no Citibank. O executivo é bacharel em marketing e publicidade pela FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado).