Mercado abrirá em 1 h 10 min
  • BOVESPA

    112.282,28
    +2.032,55 (+1,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.338,34
    +510,21 (+1,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,88
    -0,35 (-0,48%)
     
  • OURO

    1.772,40
    -6,40 (-0,36%)
     
  • BTC-USD

    43.507,93
    +1.513,63 (+3,60%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.090,64
    +50,16 (+4,82%)
     
  • S&P500

    4.395,64
    +41,45 (+0,95%)
     
  • DOW JONES

    34.258,32
    +338,48 (+1,00%)
     
  • FTSE

    7.084,40
    +1,03 (+0,01%)
     
  • HANG SENG

    24.510,98
    +289,44 (+1,19%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.256,75
    +93,25 (+0,61%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1946
    -0,0142 (-0,23%)
     

Presidente chinês Xi pede aos ricos que reduzam as desigualdades

·1 minuto de leitura
O nível de vida na China aumentou consideravelmente desde a década de 1970 e hoje é um mercado gigantesco com centenas de milhões de consumidores de classe média, seduzidos pelas multinacionais estrangeiras

O presidente chinês Xi Jinping fez um apelo aos seus compatriotas mais ricos para que trabalhem "pela prosperidade comum" e prometeu um "ajuste" nas rendas excessivas, em um país em que o rápido crescimento econômico ampliou as desigualdades.

O nível de vida na China aumentou consideravelmente desde a década de 1970 e hoje é um mercado gigantesco com centenas de milhões de consumidores de classe média, seduzidos pelas multinacionais estrangeiras.

No entanto, as diferenças de riqueza são significativas. Embora a China tenha o recorde mundial de bilionários em dólares, só no ano passado o país erradicou oficialmente a pobreza absoluta.

Em uma reunião dedicada à economia, o presidente chinês pediu uma redistribuição "razoável" das riquezas que "beneficie a todos", informou a mídia estatal.

Pelo interesse da igualdade social, medidas devem ser tomadas para "aumentar a renda dos grupos de baixa renda" e "ajustar as rendas excessivas", disse Xi Jinping, segundo um balanço da reunião.

Não está claro de qual forma o presidente planeja alcançar este objetivo, mas suas diretrizes marcam o tom das prioridades do país para os próximos meses.

A reunião também pediu uma maior igualdade na educação, já que os altos custos das aulas privadas de reforço são cada vez mais criticados.

tjx/sbr/ehl/lpt/msr/mb/aa

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos