Mercado fechado

Prefeito de SP, Bruno Covas passa por sexta sessão de quimioterapia

Carolina Freitas

Covas não tem previsão de alta após a quimioterapia, mas está liberado para trabalhar enquanto estiver internado, informou boletim médico O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), passa, nesta quarta-feira (8), pela sexta sessão de quimioterapia para tratamento de um câncer na cárdia, entre o esôfago e o estômago. O político, de 39 anos, foi internado no Hospital Sírio-Libanês na noite de terça (7) para fazer o procedimento, que deve levar 30 horas.

Covas não tem previsão de alta após a quimioterapia, mas está liberado para trabalhar enquanto estiver internado, informou boletim médico divulgado na tarde desta quarta.

O tumor maligno com metástase no fígado e lesão no sistema linfático foi descoberto em 28 de outubro do ano passado, quando o prefeito teve uma trombose após perceber um ferimento na perna. Os médicos prescreveram oito sessões de quimioterapia.

Covas teve complicações em duas sessões anteriores. Em novembro, formou-se um coágulo perto do cateter por onde era aplicado o medicamento quimioterápico. Em dezembro, o prefeito teve uma hemorragia no fígado e precisou ficar internado por dois dias na UTI.

Bruno Covas confirmou, na semana passada, que quer concorrer à reeleição em outubro.