Mercado abrirá em 39 mins
  • BOVESPA

    106.924,18
    +1.236,18 (+1,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.579,90
    +270,60 (+0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,38
    -1,11 (-1,00%)
     
  • OURO

    1.799,30
    -8,90 (-0,49%)
     
  • BTC-USD

    29.720,93
    -656,91 (-2,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    666,51
    -14,60 (-2,14%)
     
  • S&P500

    4.023,89
    +93,81 (+2,39%)
     
  • DOW JONES

    32.196,66
    +466,36 (+1,47%)
     
  • FTSE

    7.414,43
    -3,72 (-0,05%)
     
  • HANG SENG

    19.950,21
    +51,44 (+0,26%)
     
  • NIKKEI

    26.547,05
    +119,40 (+0,45%)
     
  • NASDAQ

    12.327,25
    -55,50 (-0,45%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2799
    +0,0208 (+0,40%)
     

Preço da gasolina bate recorde e sobe pela 3ª semana seguida no Brasil

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Preço da gasolina bate recorde e sobe pela 3ª semana seguida no Brasil
Preço da gasolina bate recorde e sobe pela 3ª semana seguida no Brasil
  • O litro da gasolina pode ser encontrado entre R$ 6,29 e R$ 8,59 nos postos dos pais;

  • O preço médio do litro do combustível ficou em R$ 7,283 nesta semana;

  • É o maior valor pago pelos consumidores desde 2004.

Segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), divulgado nesta sexta-feira, o valor da gasolina voltou a marcar um novo recorde após subir pela terceira semana seguida. O estudo apontou que o preço médio do litro do combustível ficou em R$ 7,283 nesta semana, o que representa o maior valor pago pelos consumidores desde 2004, quando a ANP passou a fazer pesquisa.

A vastidão do território nacional, faz com que o litro da gasolina possa ser encontrado entre R$ 6,29 e R$ 8,59 nos postos dos pais, dependendo da cidade. Segundo a ANP, mais de 5 mil postos brasileiros foram pesquisados.

Além disso, o balanço realizado pela agência também também apontou uma alta no preço dos demais combustíveis. Nesta semana, o preço do diesel registrou um avanço de 0,15%, para R$ 6,610 o litro. O valor do etanol teve alta de 0,78%, para R$ 5,539 o litro.

Desde 2016, a Petrobras passou a adotar o Preço de Paridade de Importação (PPI), segundo o qual os preços de derivados de petróleo nas refinarias são formados a partir das cotações no mercado internacional, acrescidas de custos de internação dos produtos. Com isso, fatores como a instabilidade do dólar e a guerra entre Rússia e Ucrânia impactam diretamente no custo do produto no mercado nacional.

Petrobras confirma reajuste de 19% no preço de venda do gás natural

A partir de 1º de maio, a Petrobras vai vender gás natural para distribuidoras com um reajuste de 19% em R$/m³ no valor do produto. A alta leva em consideração o preço praticado no trimestre de fevereiro, março e abril.

Segundo a estatal, o preço final do gás natural ao consumidor não é determinado apenas pelo preço de venda da companhia, mas também pelas margens das distribuidoras (e, no caso do GNV, dos postos de revenda) e pelos tributos federais e estaduais.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos