Mercado abrirá em 8 h 14 min
  • BOVESPA

    120.294,68
    +997,55 (+0,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.329,84
    +826,13 (+1,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,09
    -0,06 (-0,10%)
     
  • OURO

    1.739,60
    +3,30 (+0,19%)
     
  • BTC-USD

    63.308,01
    -317,03 (-0,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.379,88
    +4,11 (+0,30%)
     
  • S&P500

    4.124,66
    -16,93 (-0,41%)
     
  • DOW JONES

    33.730,89
    +53,62 (+0,16%)
     
  • FTSE

    6.939,58
    +49,09 (+0,71%)
     
  • HANG SENG

    28.623,90
    -276,93 (-0,96%)
     
  • NIKKEI

    29.654,43
    +33,44 (+0,11%)
     
  • NASDAQ

    13.818,00
    +19,25 (+0,14%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7693
    -0,0036 (-0,05%)
     

Preços recorde do aço na China impulsionam futuros do minério de ferro

Enrico Dela Cruz
·1 minuto de leitura

Por Enrico Dela Cruz

(Reuters) - Os futuros de referência do minério de ferro na Ásia subiram nesta quarta-feira, com preços recorde do aço na China atraindo apostas de investidores na matéria-prima, apesar de restrições em um pólo siderúrgico do país que sinalizaram perspectivas negativas.

O contrato mais ativo do minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian encerrou o pregão diurno com alta de 1,7%, a 993,50 iuanes (151,94 dólares) por tonelada.

O primeiro contrato do minério de ferro na bolsa de Cingapura, para maio, avançava 1,5%, para 164,05 dólares por tonelada.

Os futuros do aço na China tocaram novas máximas no pregão diurno, impulsionados por uma forte demanda doméstica e preocupações com cortes de produção no país, maior fabricante global e exportador.

O vergalhão de aço para construção na bolsa de futuros de Xangai fechou em queda de 0,9%, a 5.127 iuanes por tonelada, após chegar a tocar 5.208 iuanes, maior nível já registrado desde 2011, quando os contratos começaram a ser negociados em Xangai.

"As restrições do governo chinês continuam sendo um suporte para os preços", disseram estrategistas de commodities do ING em nota.