Mercado fechará em 2 h 50 min

Preços do petróleo sobem após novos sinais de progresso em vacina contra Covid-19

Por Jessica Resnick-Ault
·1 minuto de leitura
Navio petroleiro em porto de Qingdao, na China
Navio petroleiro em porto de Qingdao, na China

Por Jessica Resnick-Ault

NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo fecharam em alta de mais de 2% nesta segunda-feira, após operarem com ganhos ainda mais acentuados durante a sessão, depois de a Moderna afirmar que sua vacina experimental contra a Covid-19 obteve eficácia de 94,5%.

O contrato do petróleo Brent para janeiro terminou a sessão em alta de 1,04 dólar, ou 2,43%, a 43,82 dólares por barril, após avançar mais de 4% no início do dia. Já o petróleo dos Estados Unidos (WTI) para dezembro apurou ganho de 1,21 dólar, ou 3%, a 41,34 dólares o barril.

"Houve uma pressão de compra um pouco excessiva, que nos levou a superar o ponto em que os fundamentos nos davam suporte, então mantivemos os ganhos apenas parcialmente", disse Gary Cunningham, diretor de pesquisas de mercado da Tradition Energy em Stamford.

"Temos uma preocupação crescente com a demanda global, já que os surtos de Covid-19 continuam ao redor do mundo", acrescentou.

O anúncio da Moderna ocorre após a Pfizer relatar na semana passada que sua vacina registrou eficácia de mais de 90%, aumentando as expectativas de que os danos econômicos globais causados pela pandemia possam ser reduzidos.

Os preços também foram apoiados por dados que mostraram uma recuperação na China e Japão, com números indicando que as refinarias chinesas processaram níveis diários recordes de petróleo em outubro.

(Reportagem adicional de Florence Tan, Roslan Khasawneh e Noah Browning)