Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.064,36
    +1.782,08 (+1,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.464,27
    +125,93 (+0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,11
    -0,19 (-0,26%)
     
  • OURO

    1.751,10
    +1,30 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    44.431,41
    +736,30 (+1,69%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.110,27
    +1,35 (+0,12%)
     
  • S&P500

    4.448,98
    +53,34 (+1,21%)
     
  • DOW JONES

    34.764,82
    +506,50 (+1,48%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.521,60
    +10,62 (+0,04%)
     
  • NIKKEI

    30.200,89
    +561,49 (+1,89%)
     
  • NASDAQ

    15.301,75
    -1,75 (-0,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2241
    -0,0009 (-0,01%)
     

Preços do petróleo saltam 5% após 7 dias de perdas; recuo do dólar impulsiona mercado

·1 minuto de leitura

Por Devika Krishna Kumar

LONDRES (Reuters) - Os preços do petróleo avançaram mais de 5% nesta segunda-feira, à medida que um dólar enfraquecido e forte mercado mundial de ações impulsionaram os contratos futuros da commodity depois de sete sessões de quedas.

O petróleo Brent avançou 3,57 dólares, ou 5,5%, para fechar a sessão em 68,75 dólares o barril, depois de tocar a mínima desde 21 de maio, em 64,60 dólares durante a sessão.

O petróleo dos EUA (WTI) para entrega em outubro avançou 3,50 dólares, ou 5,6%, para fechar em 65,64 dólares.

Ambas as referências marcaram a maior perda semanal em mais de nove meses na semana passada, com o Brent recuando cerca de 8% e o WTI cerca de 9%.

Porém uma queda no dólar americano causou um impulso nesta segunda-feira, tornando o petróleo mais barato para detentores de outras moedas.

"Embora o complexo do petróleo em geral tenha sido capaz de diminuir a força no mercado de ações, a combinação otimista de aumento do apetite ao risco e enfraquecimento significativo dos índices do dólar americano representa uma mistura potente que o petróleo foi forçado a reconhecer", disse Jim Ritterbusch, presidente de Ritterbusch and Associates em Galena, Illinois.

(Reportagem de Dmitry Zhdannikov em Londres e Yuka Obayashi em Tóquio)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos