Mercado abrirá em 5 h 27 min
  • BOVESPA

    108.651,05
    +248,77 (+0,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.241,81
    -113,05 (-0,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,61
    -0,89 (-0,98%)
     
  • OURO

    1.805,10
    -7,20 (-0,40%)
     
  • BTC-USD

    22.969,86
    -865,17 (-3,63%)
     
  • CMC Crypto 200

    533,61
    -23,74 (-4,26%)
     
  • S&P500

    4.122,47
    -17,59 (-0,42%)
     
  • DOW JONES

    32.774,41
    -58,13 (-0,18%)
     
  • FTSE

    7.479,31
    -8,84 (-0,12%)
     
  • HANG SENG

    19.569,72
    -433,72 (-2,17%)
     
  • NIKKEI

    27.819,33
    -180,63 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    13.012,25
    -19,25 (-0,15%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2525
    +0,0198 (+0,38%)
     

Preço do petróleo cai com demanda fraca por gasolina no verão dos EUA

Por Stephanie Kelly

NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo caíram nesta quarta-feira, depois que dados do governo dos EUA mostraram menor demanda por gasolina durante o pico da temporada de verão no país e porque os aumentos das taxas de juros pelos bancos centrais para combater a inflação alimentaram temores de que a economia possa desacelerar, reduzindo a demanda por energia.

Os preços reduziram as perdas durante a sessão depois que a TC Energy disse que o oleoduto Keystone, uma das principais artérias de exportação de petróleo do Canadá, estava operando a taxas reduzidas pelo terceiro dia. Os reparos continuaram em uma instalação de energia de terceiros em Dakota do Sul, gerando preocupações sobre suprimentos mais apertados.

Os preços do petróleo Brent para setembro caíram 0,43 dólar, para 106,92 dólares o barril. O petróleo bruto WTI, dos EUA, para agosto caiu 1,96 dólar, para 102,26 dólares por barril. O contrato do WTI expira nesta quarta-feira.

O contrato WTI de setembro, mais ativo, fechou em 99,88 dólares por barril, uma queda de 0,86 dólar.

Os estoques de gasolina dos EUA subiram 3,5 milhões de barris na semana passada, segundo dados do governo, superando em muito as previsões de analistas apuradas em uma pesquisa da Reuters, para um aumento de 71.000 barris.

"A gasolina é a grande preocupação aqui. Você realmente não quer voltar atrás na gasolina no meio do verão", disse Robert Yawger, diretor executivo de futuros de energia da Mizuho.

Os americanos ficaram chocados em junho quando os preços nas bombas subiram para um recorde de mais de 5 dólares por galão.

Os estoques de petróleo dos EUA caíram 446.000 barris na semana passada, mostraram dados, em comparação com as expectativas dos analistas de um aumento de 1,4 milhão de barris.

Os preços do petróleo têm sido extremamente voláteis, presos em um cabo de guerra entre temores de oferta causados ​​por sanções ocidentais à Rússia e preocupações de que a luta contra a inflação possa enfraquecer a economia global e reduzir a demanda.

(Reportagem adicional de Rowena Edwards, Florence Tan e Laura Sanicola)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos