Mercado abrirá em 9 h 25 min
  • BOVESPA

    120.700,67
    +405,99 (+0,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.514,10
    +184,26 (+0,38%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,44
    -0,02 (-0,03%)
     
  • OURO

    1.762,80
    -4,00 (-0,23%)
     
  • BTC-USD

    63.192,54
    +514,38 (+0,82%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.401,83
    +20,88 (+1,51%)
     
  • S&P500

    4.170,42
    +45,76 (+1,11%)
     
  • DOW JONES

    34.035,99
    +305,10 (+0,90%)
     
  • FTSE

    6.983,50
    +43,92 (+0,63%)
     
  • HANG SENG

    28.821,37
    +28,23 (+0,10%)
     
  • NIKKEI

    29.682,66
    +39,97 (+0,13%)
     
  • NASDAQ

    13.975,75
    -38,25 (-0,27%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7108
    -0,0103 (-0,15%)
     

Preço do bitcoin dispara após Tesla começar a aceitar a moeda de novos clientes

Wagner Wakka
·1 minuto de leitura

A Tesla passou a aceitar bitcoin como forma de pagamento na compra dos carros. A informação veio do próprio CEO da empresa Elon Musk, em publicação no Twitter (meio de anúncios preferido do executivo).

“Agora, você pode comprar um Tesla com bitcoin”, divulgou pela rede social na última quarta-feira (24). Contudo, é importante ressaltar: os carros não estão precificados na criptomoeda, mas ela apenas pode ser usada como uma forma de pagamento. Pode parecer sutil a diferença, mas não é, pois os produtos ainda são precificados em dólar. “Quando decide fazer a compra em bitcoin, você deve pagar o equivalentemente ao valor em dólar da compra”, explica o site da companhia.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Isso foi o suficiente para dar força à moeda: o site Coindesk, que monitora as variações de preço do ativo digital, registrou um aumento de 4,3% na quarta após o anúncio. Contudo, a cotação do bitcoin já caiu novamente no dia seguinte.

<em>Moeda cresceu na quarta, mas já caiu depois (Foto: Coindesk)</em>
Moeda cresceu na quarta, mas já caiu depois (Foto: Coindesk)

E é justamante essa instabilidade da criptomoeda mais famosa e valiosa do mundo é que a Tesla não precifica seus veículos em Bitcoin. Apesar disso, Musk ainda disse que os montantes pagos em criptomoedas “vão ser mantidos em bitcoin, não convertidos em moedas reguladas”. O executivo é um entusiasta do modelo financeiro, sendo que a própria Tesla investiu US$ 1,5 bilhão na moeda digital.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: