Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.177,55
    -92,52 (-0,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    55.164,01
    +292,65 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,23
    +1,08 (+1,35%)
     
  • OURO

    1.929,90
    -12,70 (-0,65%)
     
  • BTC-USD

    23.082,89
    -265,00 (-1,14%)
     
  • CMC Crypto 200

    523,89
    -3,30 (-0,63%)
     
  • S&P500

    4.060,43
    +44,21 (+1,10%)
     
  • DOW JONES

    33.949,41
    +205,57 (+0,61%)
     
  • FTSE

    7.761,11
    +16,24 (+0,21%)
     
  • HANG SENG

    22.566,78
    +522,13 (+2,37%)
     
  • NIKKEI

    27.362,75
    -32,26 (-0,12%)
     
  • NASDAQ

    12.060,25
    +187,00 (+1,57%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5212
    -0,0176 (-0,32%)
     

Próximo monitor da Apple será mais barato que Pro Display XDR de R$ 45 mil

A Apple prepara uma terceira adição à sua linha de monitores este ano com a chegada de um modelo ainda mais poderoso que o elogiado Studio Display e o impressionantemente caro Pro Display XDR, que é vendido no Brasil a partir de R$ 45 mil. O futuro lançamento está previsto para acontecer no começo deste ano, e resumimos abaixo o que você pode esperar do equipamento.

O respeitado analista Ross Young do Display Supply Chain Consultants (DSCC) reforçou há poucos dias que o próximo monitor da Apple será lançado no primeiro trimestre de 2023, mais precisamente entre os meses de janeiro e março.

Com a Apple já tendo realizado uma série de anúncios esta semana para lançamento dos processadores M2 Pro e M2 Max, equipando versões atualizadas do Mac Mini e MacBook Pro, além do novo HomePod de segunda geração, esperamos que a empresa realize um evento dedicado em março para apresentar mais equipamentos. Entre eles estaria o próximo monitor premium da marca.

Olá, tecnologia Mini LED!

Tecnologia Mini LED oferece maior controle de iluminação na tela para desempenho próximo ao OLED (Imagem: Reprodução/Apple)
Tecnologia Mini LED oferece maior controle de iluminação na tela para desempenho próximo ao OLED (Imagem: Reprodução/Apple)

Os rumores apontam que a Apple deve manter o tamanho de 27 polegadas adotado no Studio Display em vez das 32 polegadas do Pro Display XDR, mas a grande novidade ficará para o painel de tecnologia Mini LED, ausente até então no modelo menor.

Diferente do LED convencional utilizado nos monitores citados, o Mini LED oferece alto contraste e pretos profundos graças às centenas ou mesmo milhares de zonas de iluminação que agrupam pixels para controlar sua iluminação de forma mais precisa.

O resultado é semelhante ao painel de tecnologia OLED — por mais que ainda não seja tão preciso quanto o Micro LED —, mas sem preocupações com burn-in (pixels queimados, problema reduzido atualmente dado o avanço da tecnologia) e mantendo um brilho elevado ainda inalcançado em telas OLED convencionais.

A Apple já utiliza telas de tecnologia Mini LED em produtos como o MacBook Pro de 14 polegada e de 16 polegadas, e iPad Pro de 12,9 polegadas — além do próprio Pro Display XDR. No próximo ano a empresa pode iniciar a transição para telas OLED mais brilhantes em equipamentos maiores.

ProMotion para navegação fluida em 120 Hz

Novo monitor terá como foco público profissional, visto que ProMotion ficou de fora do lançamento do Pro Display XDR de 2018 (Imagem: Reprodução/Apple)
Novo monitor terá como foco público profissional, visto que ProMotion ficou de fora do lançamento do Pro Display XDR de 2018 (Imagem: Reprodução/Apple)

Outra grande adição ao futuro monitor da Apple está na tecnologia Pro Motion para taxa de atualização de 120 Hz, permitindo uma navegação mais rápida e imediata graças ao dobro de exibição de quadros por segundo.

O ProMotion é utilizado pela empresa atualmente em todos os produtos de linha Pro, incluindo iPhone 14 Pro, iPad Pro, MacBook Pro e Pro Display XDR.

Dado o histórico, esperamos que o futuro monitor mantenha a palavra "Pro" no nome. É incerto se a empresa chamará o modelo de "Pro Display XDR de segunda geração".

Processador de iPhone integrado ao monitor

Assim como Studio Display, Apple deve usar chip de iPhone para oferecer recursos extras (Imagem: Reprodução/The Verge)
Assim como Studio Display, Apple deve usar chip de iPhone para oferecer recursos extras (Imagem: Reprodução/The Verge)

Rumores apontam que o próximo monitor da Apple será equipado por uma nova geração de seu chip móvel. No Studio Display, a marca integrou o processador do iPhone 11 para recursos como Palco Central na webcam integrada, Áudio Espacial e ativação da Siri por voz.

Caso os vazamentos estejam corretos, o futuro monitor também pode oferecer webcam, microfones e alto-falantes integrados como razão para existência do chip. Não sabemos qual processador será utilizado.

Preço e disponibilidade

Lançamento está previsto entre março e abril com posicionamento de preço entre o Studio Display e Pro Display XDR (Imagem: Reprodução/Apple)
Lançamento está previsto entre março e abril com posicionamento de preço entre o Studio Display e Pro Display XDR (Imagem: Reprodução/Apple)

Com seu anúncio acontecendo "no primeiro trimestre de 2023" segundo Ross Young, esperamos o anúncio em março e lançamento até o início de abril.

Por ser uma versão menor do Pro Display XDR e por adotar tela de tecnologia Mini LED mais disseminada atualmente, esperamos que a Apple posicione seu preço entre os US$ 1.599 do Studio Display e US$ 4.999 do Pro Display XDR.

No Brasil, o Studio Display é vendido a partir de R$ 16.599, enquanto o Pro Display XDR pode custar até R$ 64.532 em configuração com vidro nano-texture, Pro Stand e adaptador para montagem VESA.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: