Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,83 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,39 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,98
    +1,48 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.793,10
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    61.082,97
    -66,01 (-0,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,69 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,94 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.324,00
    -154,75 (-1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    -0,0002 (-0,00%)
     

Próximo adversário do Vasco, Goiás tem uma das melhores defesas, mas vem de duas derrotas na Série B

·2 minuto de leitura


O próximo adversário do Vasco é o atual segundo colocado da Série B e dirigido por um velho conhecido da torcida: o técnico Marcelo Cabo. Com a melhor defesa da competição ao lado do Coritiba (sofreu 18 gols em 26 rodadas), o Esmeraldino não vence há dois jogos e procura reencontrar o caminho das vitórias para confirmar o acesso nesta reta final. A equipe pode perder a posição caso o Botafogo derrote o Sampaio Corrêa.

Longe de seus domínios, os goianos têm a terceira melhor campanha com 20 pontos, em cinco vitórias, cinco empates e apenas três derrotas. Nas últimas dez rodadas, a equipe venceu metade de seus jogos e somou mais dezoito pontos na campanha que é pautada pela regularidade.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

No entanto, o time conheceu sua primeira sequência negativa neste Série B. Duas derrotas fizeram o comandante Marcelo Cabo ligar o alerta e observar aspectos físicos. O time perdeu para o Avaí, na terça, e o clássico contra o Vila Nova, na sexta. Com isso, serão três jogos em menos de sete dias, em um calendário intenso e sem tempo para treinar.

De acordo com os números do portal "Footstats", o Goiás é a segunda equipe que mais finaliza a gol na competição. No total, até o momento, foram 324 chutes, com 130 certos, em direção ao gol adversário, 34 deles foram de Alef Manga - o segundo melhor neste fundamento na Série B. Por outro lado, o time é um dos que menos troca passes, o que mostra um estilo mais vertical e com muita profundidade.

+ Vasco divulga lista de laboratórios para o duelo contra o Goiás; teste deve ser realizado a partir das 20h

Na frente, Alef Manga e Dieguinho são jogadores perigosos pelas pontas e trabalham bem a bola com Elvis. O camisa 10 costuma não só ser um jogador voltado às assistências, ele aparece bem na frente para finalizar e tem correspondido com . O homem de área é o centroavante Nicolás, que surge fazendo o pivô e puxando a marcação.

A defesa tem sido um dos destaques pela segurança que tem demonstrado. O Esmeraldino é o líder de desarmes na competição com 380 corretos. Além disso, também está à frente dos adversário no fundamento rebatida, com 1028. Na segunda, David Duarte está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e desfalca a defesa do Esmeraldino.

+ Quatro fatores da vitória sobre o Brusque precisarão se repetir juntos para o Vasco conquistar o acesso

Um dos pontos negativos, é que a equipe tem deixado espaço nas costas do lateral-direito Apodi em alguns lances. O jogador apoia bastante, aparecendo como elemento surpresa na frente e tem três gols na competição. Porém, a recomposição tem deixado brechas para os adversários em determinados momentos. O gol da vitória do Vila Nova surgiu de uma tabela por esse setor, nas costas do experiente jogador.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos