Príncipe Harry e Meghan sofrem perseguição de carro 'quase catastrófica' em Nova York

O príncipe Harry e sua esposa Meghan Markle estiveram envolvidos em uma "perseguição de carro quase catastrófica" envolvendo paparazzi em Nova York no final de 16 de maio de 2023, disse um porta-voz do casal em 17 de maio
O príncipe Harry e sua esposa Meghan Markle estiveram envolvidos em uma "perseguição de carro quase catastrófica" envolvendo paparazzi em Nova York no final de 16 de maio de 2023, disse um porta-voz do casal em 17 de maio

O príncipe Harry e sua esposa Meghan Markle sofreram uma "perseguição de carro quase catastrófica" envolvendo paparazzi na noite de terça-feira em Nova York, noticiou um porta-voz do casal nesta quarta-feira (17).

O incidente aconteceu após Harry e Meghan participarem de uma cerimônia de premiação na capital financeira dos Estados Unidos.

A mãe de Meghan, Doria Ragland, estava no veículo com o casal, segundo o comunicado enviado por e-mail pelo porta-voz à AFP.

"Ontem à noite, o duque e a duquesa de Sussex e a sra. Ragland se envolveram em uma perseguição de carro quase catastrófica nas mãos de um grupo muito agressivo de paparazzi".

"Essa perseguição implacável, que durou mais de duas horas, resultou em várias colisões com outros motoristas na estrada, pedestres e dois oficiais da polícia de Nova York", acrescentou o porta-voz. "Embora ser uma figura pública envolva um certo nível de interesse público, isso nunca deve ser feito às custas da segurança de ninguém".

O comunicado acrescentou que "a divulgação dessas imagens, devido a maneira como foram obtidas, incentiva uma prática altamente intrusiva que é perigosa para todos os envolvidos".

Um porta-voz do Departamento de Polícia de Nova York não respondeu imediatamente aos pedidos de comentários.

Harry, de 38 anos, e Meghan, de 41, participaram da cerimônia Ms. Foundation for Women, onde a atriz recebeu um prêmio.

O casal abandonou a família real no início de 2020 e se mudou do Reino Unido para os Estados Unidos, em parte por conta do intenso comportamento da mídia.

Harry culpa há tempos a intromissão da imprensa pela morte de sua mãe, a princesa Diana, que sofreu em 1997 um acidente de carro em Paris, enquanto era perseguida por paparazzi.

pdh-amz/dw/gm/atm/gm/ms/jc