Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.750,22
    +1.458,62 (+1,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    43.646,03
    -288,18 (-0,66%)
     
  • PETROLEO CRU

    46,09
    +0,45 (+0,99%)
     
  • OURO

    1.842,00
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    19.049,83
    +1,54 (+0,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    365,19
    -14,05 (-3,71%)
     
  • S&P500

    3.699,12
    +32,40 (+0,88%)
     
  • DOW JONES

    30.218,26
    +248,74 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.550,23
    +59,96 (+0,92%)
     
  • HANG SENG

    26.835,92
    +107,42 (+0,40%)
     
  • NIKKEI

    26.751,24
    -58,13 (-0,22%)
     
  • NASDAQ

    12.509,25
    +47,00 (+0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2497
    +0,0137 (+0,22%)
     

Príncipe Harry diz que criação o impediu de ver preconceito racial inconsciente

·1 minuto de leitura
Príncipe britânico Harry em Londres
Príncipe britânico Harry em Londres

LONDRES (Reuters) - O príncipe britânico Harry disse que precisou de anos para perceber que o preconceito racial inconsciente existe e que se conscientizou ao se colocar no lugar da esposa, Meghan.

O príncipe fez a declaração durante uma conversa sobre racismo com Patrick Hutchinson, ativista negro fotografado pela Reuters carregando um homem branco para protegê-lo durante um confronto entre manifestantes antirracismo e oponentes de extrema-direita em Londres em junho.

Harry disse a Hutchinson que o viu como um "anjo da guarda" protegendo todos na manifestação. Os dois homens disseram que ainda há trabalho a ser feito para derrotar a discriminação de todos os tipos.

"O preconceito inconsciente, segundo meu entendimento, com a criação e a educação que tive, eu não fazia ideia do que era. Não fazia ideia de que existisse", disse Harry durante a conversa virtual, gravada na semana passada para uma matéria de destaque da revista GQ.

"E depois, por mais triste que seja dizê-lo, levei muitos, muitos anos para percebê-lo, especialmente passando um dia ou uma semana no lugar de minha esposa", acrescentou o príncipe.

O pai de Meghan é branco, e sua mãe é afro-norte-americana.

Harry e Meghan, o duque e a duquesa de Sussex, se pronunciaram várias vezes sobre questões raciais desde que abdicaram de suas ocupações como membros da realeza, no final de março, e se mudaram para o Estado norte-americano da Califórnia.

Hutchinson, de 50 anos, disse a Harry que esteve em um protesto anterior no qual uma policial foi ferida, por isso ele e alguns amigos decidiram ir novamente para ver se podiam ajudar a manter a ordem.