Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.800,79
    -3.874,54 (-3,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,81
    +0,19 (+0,26%)
     
  • OURO

    1.812,50
    -18,70 (-1,02%)
     
  • BTC-USD

    41.399,80
    +2.308,29 (+5,90%)
     
  • CMC Crypto 200

    955,03
    +5,13 (+0,54%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,06 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.966,50
    -71,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1880
    +0,1475 (+2,44%)
     

Prévia do Windows 11 é atualizada com ajustes visuais e várias correções de bugs

·3 minuto de leitura

A Microsoft dá mais um passo na evolução do Windows 11 nesta semana. Membros do programa Windows Insider agora estão recebendo a prévia do SO na versão 22000.71 no canal dedicado a desenvolvedores. O pacote traz novidades interessantes, mas não lá muito grandiosas, além de uma lista imensa de correções de bugs.

Talvez a adição mais destacável seja o widget de entretenimento, uma nova janela focada na exibição de filmes de sucesso disponíveis na Microsoft Store. A janelinha deve ser adicionada à bandeja de widgets, acionada a partir de um botão na barra de tarefas.

Widget mostra os principais destaques do catálogo da loja e clicar sobre ele leva diretamente para a página de compra (Imagem: Reprodução/Microsoft)
Widget mostra os principais destaques do catálogo da loja e clicar sobre ele leva diretamente para a página de compra (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Utilizadores podem fixar o widget manualmente ao buscar pelo complemento no menu “adicionar widgets”. Contudo, a disponibilidade da função está limitada a alguns países: EUA, Reino Unido, Canadá e França estão entre eles, e o Brasil ficou de fora dessa primeira leva.

O Explorador de Arquivos também recebeu uma novidade em interface, o chamado SplitButton. Botões incluídos na Faixa de Opções do recurso podem incluir "ganchos" que puxam menus em vez de conter somente ações.

Os submenus escondem opções para desafogar a barra superior (Imagem: Reprodução/Tom's Hardware)
Os submenus escondem opções para desafogar a barra superior (Imagem: Reprodução/Tom's Hardware)

A seção de “Nova pasta”, por exemplo, ganhou um submenu escondido na opção “novo item” — que basicamente é composto pelas alternativas para a criação de um novo arquivo, seja um atalho, documento em texto ou diretório compactado. A novidade pode não agradar a todos, já que distancia ainda mais o usuário de ações básicas, exigindo uns cliques extras para encontrá-las.

Retoques visuais

Em termos visuais, foram duas alterações: o menu de contexto, antes composto por uma cor sólida, agora tem outro material, um pouco mais translúcido dessa vez. A adição faz parte da linguagem de design acrylic (“acrílico”, em português) e não muda em nada a funcionalidade do recurso.

Antes (à esquerda) e depois (à direita) (Imagem: Reprodução/Microsoft)
Antes (à esquerda) e depois (à direita) (Imagem: Reprodução/Microsoft)

A pré-visualização da barra de tarefas, as conhecidas janelinhas exibidas ao passar o mouse sobre os ícones de programas abertos, também sofreu alterações. Agora, elas devem estar mais condizentes com o visual do SO.

As pré-visualizações agora são apresentadas com cantos arredondados (Imagem: Reprodução/Microsoft)
As pré-visualizações agora são apresentadas com cantos arredondados (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Bugs corrigidos aos montes

A lista de correções de bugs é bem extensa. Só da barra de tarefas foram corrigidos 17 problemas de usabilidade, mas Explorador de Arquivos, widgets, barra de pesquisa e outros recursos também passaram por ajustes.

Os programas fixados na barra de tarefas não devem mais ser abertos ao arrastar seus ícones; a combinação Shift + clique com botão direito do mouse deve acionar um menu de ações diferente; o controle de energia não mais deve indicar o acionamento de economia de bateria por engano; e o menu de alternância de apps (o famoso Alt + Tab) não deve mais ficar preso ao soltar os botões. A lista completa de alterações pode ser conferida no site oficial da Microsoft (em inglês).

Neste acesso antecipado, é normal que erros e bugs aconteçam aos montes — ainda mais no Win 11. O sistema operacional nem tem data de lançamento definida por enquanto, mas a Microsoft afirmou que pretende liberá-lo amplamente no início de 2022.

Atualmente, somente os usuários do programa de testes tem acesso oficial ao SO. A participação nele é gratuita e o processo de cadastro não é nada complicado. Basta você acessar o site do Windows Insider e seguir com o processo de inscrição com sua conta Microsoft.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos