Mercado fechará em 6 h 33 min
  • BOVESPA

    112.804,25
    -1.008,62 (-0,89%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.729,80
    -4,24 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,36
    -1,14 (-1,26%)
     
  • OURO

    1.770,10
    -1,10 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    21.549,75
    -1.972,47 (-8,39%)
     
  • CMC Crypto 200

    511,04
    -46,69 (-8,37%)
     
  • S&P500

    4.283,74
    +9,70 (+0,23%)
     
  • DOW JONES

    33.999,04
    +18,72 (+0,06%)
     
  • FTSE

    7.561,78
    +19,93 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,81 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.385,00
    -138,25 (-1,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2274
    +0,0136 (+0,26%)
     

Postagem polêmica no Instagram sugere que rede social reverta mudanças

Postagem relatando insatisfações com as atualizações do Instagram viralizaram e resultaram até em uma petição para reverter as mudanças (Getty Creative)
Postagem relatando insatisfações com as atualizações do Instagram viralizaram e resultaram até em uma petição para reverter as mudanças (Getty Creative)
  • Uma postagem no Instagram sugere que a rede reverta as atualizações recentes;

  • Autora do post promoveu uma petição explicando as desvantagens das mudanças;

  • Chefe da rede social ressalta que mudanças fazem parte de um novo momento.

Parece que nem todo mundo curtiu as mudanças recentes aplicadas pelo Instagram. Uma postagem compartilhada pela fotógrafa Tati Bruening, que atende na rede social por @Illumitati, critica o aplicativo por remover recursos populares e por tentar se tornar uma espécie de TikTok.

Em caixa alta, a mensagem diz: “FAÇA O INSTAGRAM INSTAGRAM NOVAMENTE”. “Pare de tentar ser TikTok, só quero ver fotos fofas dos meus amigos". O post termina com uma assinatura da fotógrafa: “atenciosamente, todos”.

A frustração de Tati parece ter alcançado um elevado nível de repercussão. Desde que foi postada, a imagem foi curtida, compartilhada novamente e comentada por algumas das maiores contas do aplicativo.

Também no mesmo post, a fotógrafa disponibilizou um link para uma petição no Change.org, detalhando as objeções às mudanças que o Instagram fez recentemente. O documento pede linhas de tempo cronológicas e argumenta que o feed atual do algoritmo é complicado demais. “No início do aplicativo, estávamos todos vivendo o momento, vendo nossos melhores momentos em tempo real”, diz a petição.

No documento, há ainda críticas às tentativas do aplicativo de se tornar um novo TikTok e termina pedindo um algoritmo que favoreça fotos em vez de vídeos e que a plataforma escute melhor os criadores.

Nas respostas ao post viral, outros usuários listam outras críticas ao aplicativo. Uma pessoa reclama que seu feed é de “pessoas aleatórias e não as pessoas que eu realmente sigo”. Somente essa resposta recebeu mais de 10 mil curtidas.

Em entrevista ao jornal Independent, o chefe do Instagram, Adam Mosseri, ressaltou que "vê o aplicativo não mais como um simples app de fotos e que mudanças significativas estão planejadas para a maneira como o Instagram funciona".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos