Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.560,83
    +363,01 (+0,31%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.326,68
    +480,85 (+1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    88,61
    +0,16 (+0,18%)
     
  • OURO

    1.718,90
    -1,90 (-0,11%)
     
  • BTC-USD

    20.034,70
    -308,13 (-1,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    455,75
    -7,37 (-1,59%)
     
  • S&P500

    3.744,52
    -38,76 (-1,02%)
     
  • DOW JONES

    29.926,94
    -346,93 (-1,15%)
     
  • FTSE

    6.997,27
    -55,35 (-0,78%)
     
  • HANG SENG

    17.816,33
    -195,82 (-1,09%)
     
  • NIKKEI

    27.149,76
    -161,54 (-0,59%)
     
  • NASDAQ

    11.547,25
    +5,50 (+0,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1032
    -0,0103 (-0,20%)
     

Possível Xiaomi 13 Pro aparece em testes com Snapdragon 8 Gen 2

A Xiaomi deve atualizar em breve a sua linha de aparelhos avançados com a série Xiaomi 13, e novas imagens revelam possíveis informações de desempenho da versão Pro. De acordo com o conteúdo, ele pode ser um dos primeiros aparelhos do planeta a vir com o processador Snapdragon 8 Gen 2.

As especificações do chipset incluem frequências de até 3 GHz, semelhantes ao que já acontece no atual Snapdragon 8 Gen 1. Entretanto, elas permanecem um pouco mais baixas que o já conhecido Snapdragon 8 Plus Gen 1, que chega a 3,2 GHz.

Isso reforça rumores anteriores de que podemos ter duas versões do Snapdragon 8 Gen 2 já no lançamento em novembro, onde uma seria mais contida em termos de clocks e outra chegaria à faixa dos 3,5 GHz em CPU, buscando rivalizar o A16 Bionic da Apple usado nos novos iPhone 14 Pro e iPhone 14 Pro Max.

Snapdragon 8 Gen 2 deve ser produzido pela TSMC

Mesmo que seja um aspecto bastante importante para chipsets, a frequência máxima não é o único parâmetro que define se uma plataforma é melhor ou pior que outra. Neste sentido, a Qualcomm pode ter melhorado outras características dos chips.

O Snapdragon 8 Gen 1, produzido pela Samsung, recebeu muitas críticas em relação ao consumo de energia e temperaturas de operação, por exemplo. Espera-se que o Gen 2 seja produzido pela TSMC, assim como o Gen 1 Plus, que recebeu elogios por apresentar avanços significativos mesmo sem muitas mudanças estruturais.

Outra possibilidade indica que a Qualcomm estaria testando o chip com diferentes clocks, e por isso o desempenho final pode ser mais alto. De qualquer forma, ainda não é possível confirmar a veracidade dos rumores.

Snapdragon 8 Gen 2 pode trazer melhorias na temperatura de operação (Imagem: Divulgação/Qualcomm)
Snapdragon 8 Gen 2 pode trazer melhorias na temperatura de operação (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

No mais, a publicação do perfil Xiaomi Update Philippines ainda aponta que o Xiaomi 13 Pro tem pelo menos uma versão com 12 GB de RAM, mas outras variantes podem ser disponibilizadas. Ele rodará o Android 13, junto com a interface MIUI 14.

Pouco foi revelado até o momento sobre a construção do Xiaomi 13 Pro, mas a publicação diz que ele terá um display OLED com bordas curvadas. Ou seja, nada muito distinto do modelo atual, cujo painel tem 6,73 polegadas e resolução de 1.440 x 3.200 pixels.

A Xiaomi ainda não revelou uma data oficial para o lançamento da linha Xiaomi 13. Caso a marca siga o cronograma tradicional, os modelos aparecerão por volta do mês de dezembro, pouco depois da apresentação do Snapdragon 8 Gen 2.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: