Mercado fechará em 5 h 57 min
  • BOVESPA

    109.658,00
    +1.170,12 (+1,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.685,90
    +167,60 (+0,33%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,80
    +0,52 (+0,47%)
     
  • OURO

    1.853,70
    +11,60 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    30.295,16
    +252,22 (+0,84%)
     
  • CMC Crypto 200

    678,98
    +4,11 (+0,61%)
     
  • S&P500

    3.909,86
    +8,50 (+0,22%)
     
  • DOW JONES

    31.489,82
    +227,92 (+0,73%)
     
  • FTSE

    7.486,11
    +96,13 (+1,30%)
     
  • HANG SENG

    20.470,06
    -247,18 (-1,19%)
     
  • NIKKEI

    27.001,52
    +262,49 (+0,98%)
     
  • NASDAQ

    11.955,75
    +115,00 (+0,97%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1177
    -0,0351 (-0,68%)
     

Possível novo Redmi Note 11 aparece com processador Snapdragon 690

·2 min de leitura

Um novo aparelho desconhecido da Xiaomi foi registrado nos órgãos regulamentadores 3C e TENAA nesta quinta-feira. Com o código 2201116SC, ele pode ser um novo modelo para a já lançada linha Redmi Note 11, mas com um processador que até o momento não foi utilizado na série.

Dispositivo misterioso pode fazer parte da linha Redmi Note 11 (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Dispositivo misterioso pode fazer parte da linha Redmi Note 11 (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

De acordo com as listagens, o aparelho vem com o chipset Snapdragon 690 e suporte para redes 5G. Até o momento, os aparelhos apresentados na linha Redmi Note 11 trazem plataformas da MediaTek, mas as versões globais do dispositivo podem ser lançadas também com componentes da Qualcomm — o Snapdragon 680 deverá ser equipado no modelo mais acessível da série, enquanto o Snapdragon 695 chegaria na variante Pro.

Porém, a real identidade do 2201116SC ainda permanece como uma incógnita, já que ele pode ainda fazer parte de alguma outra linha, ou ser uma versão exclusiva para algum mercado em específico. De qualquer forma, outros detalhes do dispositivo incluem tela com suporte para taxa de atualização de 120 Hz, bateria de 5.000 mAh e suporte para carregamento rápido de 67 W — todas características já presentes em aparelhos da série Redmi Note 11, o que reforça a possibilidade de se tratar de uma nova versão.

Além disso, as certificações também confirmaram a presença de NFC para pagamentos e outras autenticações sem a necessidade de toques, e o sistema operacional instalado no dispositivo será o Android 12 com a interface MIUI 13 por cima.

Versão global da série Redmi Note 11 será apresentada em 26 de janeiro (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Versão global da série Redmi Note 11 será apresentada em 26 de janeiro (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

O aparelho também terá conjunto quádruplo de câmeras traseiras, mas os detalhes dos sensores ainda não estão confirmados — é possível que ele traga como sensor principal o Samsung HM2 de 108 MP, ou mesmo o Samsung GW3 de 64 MP. As câmeras auxiliares poderão incluir ultrawide com sensor Sony IMX355 de 8 MP, macro com OmniVision OV02A de 2 MP e detecção de profundidade por meio de um sensor de 2 MP.

Mais detalhes sobre o dispositivo poderão ser conhecidos ao longo dos próximos dias. Enquanto isso, a Xiaomi já confirmou a apresentação da versão global do Redmi Note 11 para o dia 26 de janeiro, e é possível que o dispositivo 2201116SC tenha relação com os novos lançamentos, considerando que seu código de modelo indica lançamento ainda neste mês de janeiro.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos