Mercado abrirá em 1 h 45 min
  • BOVESPA

    129.441,03
    -634,97 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,16 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,39
    +0,48 (+0,68%)
     
  • OURO

    1.857,40
    -22,20 (-1,18%)
     
  • BTC-USD

    39.338,93
    +3.305,18 (+9,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    978,92
    +37,11 (+3,94%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,40 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.157,13
    +23,07 (+0,32%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.161,80
    +213,07 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    14.045,25
    +51,00 (+0,36%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1976
    +0,0050 (+0,08%)
     

Portugal permitirá entrada de turistas da UE e do Reino Unido com teste negativo para Covid

·1 minuto de leitura

LISBOA (Reuters) - Portugal permitirá voos turísticos de países da União Europeia com baixas taxas de infecção por coronavírus e do Reino Unido, mas os passageiros devem apresentar um teste negativo para Covid-19 na chegada, informou o Ministério do Interior neste sábado.

O anúncio veio um dia depois de a autoridade portuguesa do turismo dar luz verde aos turistas do Reino Unido para entrarem no país a partir de segunda-feira.

Em um comunicado, o governo disse que a proibição será suspensa em países europeus com menos de 500 casos de infecções por 100.000 pessoas.

Turistas de Liechtenstein, Noruega, Islândia e Suíça também podem começar a voar para Portugal.

Os visitantes terão que apresentar um teste negativo feito até 72 horas antes do voo e as companhias aéreas serão multadas entre 500 euros (607 dólares) e 2.000 euros por cada passageiro que embarque sem apresentar o teste.

(Reportagem de Sergio Goncalves)