Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.548,64
    -2.008,13 (-4,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

Por que o iPad não vem com uma calculadora nativa?

·2 minuto de leitura

Se você possui um iPad já deve ter reparado que o dispositivo não possui, por padrão do iPadOS, um simples aplicativo de calculadora embutido em seu sistema. E isto não é nada novo, de atualizações recentes ou dos últimos modelos lançados: isto vem desde o lançamento do primeiro iPad, em 2010. Você sabe o porquê disso?

Um mês antes de o primeiro iPad ser apresentado ao mundo na WWDC de setembro de 2010, Steve Jobs estava em sua sala explorando os recursos do ainda não lançado tablet da Apple, quando notou que o aplicativo da calculadora era uma cópia idêntica do app do iPhone, porém, em um tamanho aumentado ao máximo possível para que pudesse abranger toda a tela do iPad.

Jobs então chamou Scott Forstall — engenheiro de software responsável pelo desenvolvimento da primeira geração do iPad — e perguntou como andava o novo design do app da calculadora do tablet. Fostall lhe respondeu que não havia um novo design em andamento, e que o iPad seria lançado com aquela versão da calculadora.

A calculadora do iOS, nativa no iPhone. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)
A calculadora do iOS, nativa no iPhone. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)

Jobs não gostou nada da resposta e ordenou que imediatamente removessem a calculadora do tablet para o seu lançamento, simplesmente pelo motivo que o design dela não estava no nível de perfeccionismo e extravagância que Steve Jobs empregava para tudo o que validava em sua empresa.

Mais do que uma década depois, com uma série de novos modelos e versões diferentes do tablet da Apple sendo lançados ano após ano, o iPad permanece sem uma calculadora nativa em seu sistema. Por quê?

Recentemente, em uma entrevista para a rádio MKBHD, Craig Federighi, atual vice-presidente sênior do desenvolvimento de software, respondeu sobre isto e disse basicamente a mesma coisa que Steve Jobs teria dito em 2010: a Apple simplesmente ainda não conseguiu desenvolver um aplicativo de calculadora que seja espetacular tanto em sua aparência, como em termos técnicos, e prefere, seguindo a mesma visão de Jobs de 2010, lançar novos modelos do iPad sem uma calculadora nativa no iPadOS.

Mesmo o mais recente modelo de iPad lançado ainda não possui uma calculadora nativa em seu sistema. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)
Mesmo o mais recente modelo de iPad lançado ainda não possui uma calculadora nativa em seu sistema. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)

Curiosamente, a Apple não parece estar de fato focada em desenvolver um aplicativo de calculadora para um futuro próximo, o que indica que, provavelmente, o iPad não deve ganhar uma calculadora em seu sistema tão em breve.

No entanto, caso precise, você pode encontrar na App Store do iPadOS aplicativos que, por mais que aparentemente não possuam os mesmos exigentes padrões de design como os da empresa da maçã, podem suprir a necessidade de uma calculadora no seu tablet.

A AppStore do iPadOS disponibiliza uma série de opções para suprir a necessidade de uma calculadora no tablet. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)
A AppStore do iPadOS disponibiliza uma série de opções para suprir a necessidade de uma calculadora no tablet. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos