Mercado fechará em 6 h 4 min
  • BOVESPA

    114.057,18
    +349,42 (+0,31%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.503,49
    -230,55 (-0,47%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,96
    +1,85 (+2,10%)
     
  • OURO

    1.779,90
    +3,20 (+0,18%)
     
  • BTC-USD

    23.496,52
    +94,90 (+0,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    559,52
    +1,79 (+0,32%)
     
  • S&P500

    4.268,80
    -5,24 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    33.896,25
    -84,07 (-0,25%)
     
  • FTSE

    7.520,38
    +4,63 (+0,06%)
     
  • HANG SENG

    19.763,91
    -158,54 (-0,80%)
     
  • NIKKEI

    28.942,14
    -280,63 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.477,00
    -16,25 (-0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2628
    +0,0036 (+0,07%)
     

Popularidade da cannabis medicinal cresce entre mulheres na menopausa

A cannabis medicinal tem se tornado cada vez mais popular entre mulheres na menopausa. A constatação vem de um estudo publicado na revista The North American Menopause Society. Frente a sintomas desconfortáveis como ondas de calor, distúrbios do sono, depressão e ansiedade, esse público passou a procurar por tratamentos alternativos.

Apesar de existirem várias opções de tratamento para os sintomas da menopausa, como a terapia hormonal, vários estudos anteriores já apontaram que o uso de cannabis medicinal está associado a vários benefícios clínicos, incluindo melhorias nas medidas de ansiedade, humor, sono e dor, o que justifica a busca dessas pacientes.

Só tem um porém: nenhum estudo até o momento examinou a segurança e a eficácia da cannabis medicinal para aliviar os sintomas relacionados à menopausa. Isso não impede que, de 250 mulheres entrevistadas pelo grupo de pesquisadores, simplesmente 86% busquem a cannabis como tratamento para os sintomas relacionados à menopausa.

Mulheres na menopausa buscam alívio de sintomas na cannabis medicinal (Imagem: Ckstockphoto/Envato Elements)
Mulheres na menopausa buscam alívio de sintomas na cannabis medicinal (Imagem: Ckstockphoto/Envato Elements)

Conforme perceberam os autores do estudo, as indicações mais frequentemente relatadas para o uso medicinal de cannabis foram distúrbios do sono e humor/ansiedade relacionados à menopausa.

Em comparação com as participantes na pós-menopausa, as que estavam na perimenopausa relataram sintomas mais intensos, principalmente no que diz respeito a ansiedade e ondas de calor. As mulheres na perimenopausa também eram mais propensas a relatar uma maior incidência de depressão e ansiedade, bem como o aumento do uso de cannabis medicinal para tratar esses sintomas.

Os pesquisadores ressaltam que a falta de dados de ensaios clínicos sobre a eficácia e segurança da cannabis medicinal para o manejo dos sintomas da menopausa culmina na necessidade de mais pesquisas, antes que esse tratamento possa ser recomendado na prática clínica.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos