Mercado fechará em 2 h 52 min
  • BOVESPA

    101.386,18
    +126,43 (+0,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.319,67
    -388,05 (-1,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    38,71
    -1,14 (-2,86%)
     
  • OURO

    1.907,80
    +2,60 (+0,14%)
     
  • BTC-USD

    13.013,10
    -136,93 (-1,04%)
     
  • CMC Crypto 200

    259,40
    -4,01 (-1,52%)
     
  • S&P500

    3.394,87
    -70,52 (-2,03%)
     
  • DOW JONES

    27.612,63
    -722,94 (-2,55%)
     
  • FTSE

    5.810,21
    -50,07 (-0,85%)
     
  • HANG SENG

    24.918,78
    +132,68 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    23.494,34
    -22,25 (-0,09%)
     
  • NASDAQ

    11.502,75
    -160,75 (-1,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6385
    -0,0254 (-0,38%)
     

Policiais agridem jovem em abordagem no interior do Paraná; PM repudia ação

·2 minutos de leitura
PM agride jovem durante abordagem no Paraná - Foto: Reprodução/TV Globo
PM agride jovem durante abordagem no Paraná - Foto: Reprodução/TV Globo

Um jovem foi agredido com um tapa no rosto durante uma abordagem de policiais militares em Moreira Sales, centro-oeste paranaense. O caso aconteceu no último sábado (19).

Nas imagens divulgadas pela TV Globo, é possível ver que o jovem conversa com os policiais quando um agente o agride com o tapa no rosto. Posteriormente, outro PM se aproxima e empurra o civil.

Leia também

O agredido, que preferiu não ser identificado, contou à emissora que os policiais chegaram gritando e utilizando spray de pimenta. Ele afirma ter contestado a ação da PM, o que teria motivado a agressão.

Em nota enviada à emissora, o 7º Batalhão de Polícia Militar (7º BPM), responsável pela região de Moreira Sales, afirma ter aberto um procedimento para investigar a conduta dos agentes envolvidos no episódio.

"De acordo com informações da equipe policial, durante um atendimento, pessoas começaram a se aglomerar, se exaltar e a hostilizar a equipe policial com palavras de baixo calão, assim como outra equipe que chegou em apoio no local. Neste momento, um dos policiais desferiu os tapas. Ainda houve a necessidade de dispersão de pessoas aglomeradas após o fato", diz trecho da nota.

De acordo com o Batalhão, que diz repudiar qualquer ato que fira a dignidade humana, os militares envolvidos serão realocados,

O comando informou ainda que os militares envolvidos serão realocados. "O Batalhão reforça o comprometimento com os direitos constitucionais de todos os cidadãos e repudia qualquer ato que atinja a dignidade da pessoa humana", concluiu a nota.