Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.316,16
    -1.861,39 (-1,63%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.774,91
    -389,10 (-0,71%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,38
    -1,63 (-2,01%)
     
  • OURO

    1.927,60
    -2,40 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    23.577,66
    +624,07 (+2,72%)
     
  • CMC Crypto 200

    526,66
    +9,65 (+1,87%)
     
  • S&P500

    4.070,56
    +10,13 (+0,25%)
     
  • DOW JONES

    33.978,08
    +28,67 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.765,15
    +4,04 (+0,05%)
     
  • HANG SENG

    22.688,90
    +122,12 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    27.382,56
    +19,81 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.221,00
    +114,25 (+0,94%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5462
    +0,0265 (+0,48%)
     

Polícia de São Francisco é autorizada usar robôs para matar suspeitos nos EUA

Polícia de São Francisco é autorizada usar robôs para matar suspeitos nos EUA (Foto: Getty Images)
Polícia de São Francisco é autorizada usar robôs para matar suspeitos nos EUA (Foto: Getty Images)
  • A aprovação da medida permite o uso de robôs equipados com armas letais;

  • Os supervisores que foram contra a medida disseram a autorização levaria a uma maior militarização de uma força policial;

  • Apenas um número limitado de oficiais de alto escalão poderia autorizar o uso de robôs como uma opção de força letal.

Um conselho de supervisores nos Estados Unidos aprovou nesta terça-feira (29) uma nova política que permite que a polícia de San Francisco use robôs capazes de matar pessoas em situações de emergência.

A aprovação da medida ocorreu mediante a votação, que teve o placar de 8 a 3. Os supervisores que se opuseram à decisão disseram que a autorização levaria a uma maior militarização de uma força policial já muito agressiva com as comunidades pobres e minoritárias.

Caso a medida seja efetivada, o Departamento de Polícia de São Francisco (SFPD, na sigla em inglês) poderá usar robôs equipados com armas letais “para contatar, incapacitar ou desorientar suspeitos violentos, armados ou perigosos” quando vidas estiverem em jogo, disse Allison Maxie, porta-voz do SFPD, em comunicado.

“Robôs equipados dessa maneira só seriam usados ​​em circunstâncias extremas para salvar ou evitar mais perdas de vidas inocentes”, disse Maxie.

Os supervisores alteraram a proposta inicial para especificar que os policiais poderiam usar robôs somente depois de usar força alternativa ou táticas de desescalada, ou concluindo que não seriam capazes de subjugar o suspeito por esses meios alternativos. Apenas um número limitado de oficiais de alto escalão poderia autorizar o uso de robôs como uma opção de força letal.

A polícia de San Francisco atualmente tem uma dúzia de robôs terrestres em funcionamento usados ​​para avaliar bombas ou fornecer olhos em situações de baixa visibilidade, diz o departamento. Eles foram adquiridos entre 2010 e 2017 e nunca foram usados ​​para entregar um artefato explosivo, disseram os policiais.

Mas uma autorização explícita foi exigida depois que uma nova lei da Califórnia entrou em vigor este ano, exigindo que os departamentos de polícia e xerife fizessem um inventário de equipamentos de nível militar e buscassem aprovação para seu uso.