Mercado abrirá em 9 h 33 min
  • BOVESPA

    111.923,93
    +997,93 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.234,37
    -223,23 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,34
    +1,36 (+1,70%)
     
  • OURO

    1.819,20
    +9,60 (+0,53%)
     
  • BTC-USD

    17.257,98
    +275,38 (+1,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    408,35
    +6,93 (+1,73%)
     
  • S&P500

    4.071,70
    -4,87 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    34.429,88
    +34,88 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.556,23
    -2,26 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    19.345,97
    +670,62 (+3,59%)
     
  • NIKKEI

    27.819,32
    +41,42 (+0,15%)
     
  • NASDAQ

    11.987,00
    -23,25 (-0,19%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5084
    +0,0144 (+0,26%)
     

Polônia construirá cerca de arame farpado na fronteira com russa Kaliningrado

VARSÓVIA (Reuters) - A Polônia construirá uma cerca de arame farpado em sua fronteira com a cidade russa de Kaliningrado, disse seu ministro da Defesa nesta quarta-feira, em meio à preocupação de que o enclave possa se tornar um canal para a imigração ilegal.

A construção da barreira temporária de 2,5 metros de altura e 3 metros de profundidade será iniciada imediatamente, disse Mariusz Blaszczak em uma coletiva de imprensa.

Com as tensões aumentando devido à guerra na Ucrânia, ele citou preocupações com a segurança e referiu-se a uma crise desencadeada no outono passado, quando milhares de imigrantes africanos e do Oriente Médio tentaram cruzar a fronteira de Belarus com a Polônia, alguns dos quais morreram.

Entretanto, um porta-voz da Guarda Fronteiriça da Polônia disse que não houve entradas ilegais de Kaliningrado para a Polônia em outubro.

"A fronteira polaco-russa está estável e calma. Não houve passagem ilegal na fronteira", disse Anna Michalska.

(Reportagem de Joanna Plucinska e Anna Koper)