Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.794,28
    -1.268,26 (-1,10%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.192,33
    +377,16 (+0,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,57
    -0,04 (-0,06%)
     
  • OURO

    1.753,80
    -41,00 (-2,28%)
     
  • BTC-USD

    47.512,73
    -687,21 (-1,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.209,85
    -23,43 (-1,90%)
     
  • S&P500

    4.473,75
    -6,95 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    34.751,32
    -63,07 (-0,18%)
     
  • FTSE

    7.027,48
    +10,99 (+0,16%)
     
  • HANG SENG

    24.667,85
    -365,36 (-1,46%)
     
  • NIKKEI

    30.323,34
    -188,37 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    15.505,50
    +1,50 (+0,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1849
    -0,0111 (-0,18%)
     

Polícia de El Salvador prende ativista que criticava a lei de Bitcoin

·3 minuto de leitura

A Polícia de El Salvador anunciou a prisão de Mario Gómez, um ativista que era contra a lei de adoção do Bitcoin como moeda legal em El Salvador e crítico das decisões do governo em relação ao criptomercado. De acordo com as informações oficiais, ele foi preso por “fraude financeira”, mas muitos acreditam que a prisão é uma forma de silenciar a opinião do ativista.

Mario Gómez é o fundador da incubadora de tecnologia Hackerspace em El Salvador, além disso ele é um analista de computadores e do criptomercado. Gomez não é necessariamente contra as criptomoedas ou o Bitcoin, na verdade, ele é um crítico de como o governo de Nayib Bukele está desenvolvendo essa política e a implementação da lei.

Segundo o Decrypt, A mãe do acusado, Elena de Gomez, afirmou que não tem ideia do porque o filho pode ter sido preso. Ela também informou que a polícia levou dois celulares do ativista e tentou levar o computador, no entanto eles desistiram de apreender o equipamento quando a mídia chegou ao local.

“Apreendemos Mario Gómez em um processo de investigação de crimes de fraude financeira, relacionados com e-mails falsos enviados a muitos utilizados do sistema bancário onde os seus extratos de contas foram comprometidos.”

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Otto Flores, advogado de Gómez afirmou que a Polícia confirmou que não tinha mandado de prisão para o ativista e que ele apenas havia sido capturado “sob investigação”, mas sem uma ordem judicial. Logo depois de sua prisão, Gómez foi transferido para a Unidade Especial de Crimes da Polícia Civil Nacional.

Logo antes de sua prisão, Gómez publicou no Twitter uma mensagem misteriosa para a Agência de Inteligência de El Salvador.

“Não sou eu. É o seu próprio povo. Quanto mais você tenta esconder o que você faz, mais pessoas vão aparecer para expor o que você esconde.”

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Gómez é um dos nomes mais conhecidos de El Salvador que são contra a Lei de Bitcoin do país, principalmente com o uso de impostos em outras áreas para disfarçar o sistema “gratuito” de transferência de Bitcoins.

Gómez também foi acusado de vazar dados sobre a carteira Chivo, a carteira oficial de criptomoedas do governo legal.

O analista criticou a Chivo não só pelo design de usar impostos escondidos para o financiamento, mas diferentes preocupações com a segurança do software.

A polícia ainda não fez nenhum pronunciamento sobre a prisão e sobre as acusações contra Gómez, o que fez alguns especularem ainda mais a natureza de censura da atuação da polícia nesse caso.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos