Mercado fechará em 2 h 4 min
  • BOVESPA

    107.867,19
    -2.919,24 (-2,64%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.006,23
    -291,97 (-0,56%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,65
    -1,77 (-2,12%)
     
  • OURO

    1.781,50
    -3,40 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    63.048,17
    -3.409,82 (-5,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.491,98
    -42,67 (-2,78%)
     
  • S&P500

    4.534,73
    -1,46 (-0,03%)
     
  • DOW JONES

    35.472,50
    -136,84 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.190,30
    -32,80 (-0,45%)
     
  • HANG SENG

    26.017,53
    -118,49 (-0,45%)
     
  • NIKKEI

    28.708,58
    -546,97 (-1,87%)
     
  • NASDAQ

    15.422,75
    +45,25 (+0,29%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5696
    +0,0500 (+0,77%)
     

Polícia Civil detém 335 pessoas em operação na capital paulista

·1 minuto de leitura

A Polícia Civil de São Paulo prendeu hoje (28) na capital paulista 335 pessoas, apreendeu cerca de R$ 152 mil e 2,4 mil celulares. A ação é resultado da Operação Capital Mais Segura 4, que teve início no período da manhã e foi deflagrada para cumprimento de ordens judiciais relacionadas à investigação de crimes patrimoniais.

Ao todo, foram cumpridos 292 mandados de prisões preventivas e temporárias e 22 ordens de busca e apreensão. Também foram apreendidos quatro armas de fogo e 20,5 quilos de drogas.

“Fizemos essa força tarefa com o propósito principal de tirar de circulação as pessoas que cometem os crimes contra o patrimônio, como roubos, furtos de aparelhos celulares e extorsões mediante sequestro, que são investigados pelas 93 delegacias territoriais da capital”, ressaltou o delegado Albano David Fernandes, diretor do Departamento de Polícia Judiciária da Capital (Decap).

A operação de hoje contou com mais de mil policiais civis, 470 viaturas e de um helicóptero. Participaram agentes de oito Delegacias Seccionais subordinadas ao Decap, dos grupos Armado de Repressão a Roubos (Garra) e Especial de Reação (GER), do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope) e da Guarda Civil Metropolitana (GCM).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos