Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,66 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,39 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    112,70
    +0,49 (+0,44%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.309,42
    +70,27 (+0,24%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

Poco F4 GT é lançado como versão global do Redmi K50 Gaming

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Após inúmeros teasers, a Xiaomi anunciou nesta terça-feira (26) o Poco F4 GT, novo topo de linha acessível da marca focado em games. Conforme indicavam os vazamentos, que chegaram a detalhar a ficha técnica completa do dispositivo, a "novidade" é apenas uma versão renomeada do Redmi K50 Gaming para o mercado global, munido de Snapdragon 8 Gen 1, tela AMOLED de 120 Hz e recarga rápida de 120 W.

Poco F4 GT é versão global do K50 Gaming

Assim como o irmão da Redmi, o Poco F4 GT chega ao mercado equipado com chipset Snapdragon 8 Gen 1, 8 GB ou 12 GB de RAM LPDDR5 e 128 GB ou 256 GB de armazenamento UFS 3.1, sem possibilidade de expansão via cartões Micro SD. A Xiaomi destacou como a linha Poco GT é uma série à parte da família F tradicional, sendo focada em oferecer o máximo de performance possível, o que a marca chamou de "Apex Performance".

A "Apex Performance" não seria apenas sobre ter alto desempenho, mas também manter o poder de processamento pelo máximo de tempo possível. Para isso, o Poco F4 GT emprega a tecnologia LiquidCool 3.0, que combina duas câmaras de vapor — uma sobre o chipset e outra sobre os componentes do carregamento rápido — com múltiplas camadas de cobre e grafite para garantir que o pico de performance seja mantido por mais tempo.

Equipado com Snapdragon 8 Gen 1, o Poco F4 GT ofereceria performance por mais tempo, graças à tecnologia LiquidCool 3.0, com duas câmaras de vapor e múltiplas folhas de grafite (Imagem: Poco/YouTube)
Equipado com Snapdragon 8 Gen 1, o Poco F4 GT ofereceria performance por mais tempo, graças à tecnologia LiquidCool 3.0, com duas câmaras de vapor e múltiplas folhas de grafite (Imagem: Poco/YouTube)

A fabricante deu como exemplo o game Free Fire, que teria segurado uma taxa de quadros de 90 FPS por duas horas de gameplay contínuo a uma temperatura máxima de 40,9 ℃. Outro aspecto destacado foi a bateria, com 4.700 mAh e carregamento rápido de 120 W, que recuperaria 100% da carga em 17 minutos. A Xiaomi garante ter tomado precauções para assegurar a saúde do componente, incluindo dividi-la em duas células de 2.350 mAh e aplicar 53 medidas de segurança.

Fora isso, o cabo tem um desenho especial em formato de L que permite recarregar o telefone durante o gameplay sem atrapalhar os dedos, uma solução mais simples que a de outros concorrentes, que chegam a adicionar uma segunda porta USB-C. Nesse cenário, o Poco F4 GT conseguiria recuperar carga até 3 vezes mais rápido que outros celulares tradicionais com carga rápida — para o exemplo, foi utilizado o OnePlus 10 Pro, com carregamento de 80 W.

Mesmo durante o gameplay, o Poco F4 GT carregaria até 3 vezes mais rápido que outros celulares, como o OnePlus 10 Pro (Imagem: Poco/YouTube)
Mesmo durante o gameplay, o Poco F4 GT carregaria até 3 vezes mais rápido que outros celulares, como o OnePlus 10 Pro (Imagem: Poco/YouTube)

A experiência de uso foi outro ponto a receber atenção da marca, com diferentes tecnologias que prometem maior imersão e responsividade durante games ou uso tradicional. O display AMOLED de 6,67 polegadas traz resolução Full HD+ de 2400 x 1080 pixels, taxa de atualização de 120 Hz, profundidade de cor de 10-bit e suporte a conteúdo em HDR10+.

Estão embarcadas ainda amostragem de toque de 480 Hz, que promete respostas mais rápidas aos comandos do usuário, recurso PWM Dimming de 1.920 Hz, que reduz a cintilância da tela, especialmente em ambientes pouco iluminados, superfície plana que atrapalharia menos ao jogar e vidro Gorilla Glass Victus, mesmo presente em dispositivos como o Galaxy S22 Ultra.

Para o áudio, o Poco F4 GT emprega um sistema estéreo de 4 speakers, sendo 2 woofers para frequências graves e dois tweeters para médios e agudos, posicionados mais à direita do smartphone — a ideia seria impedir que os dedos barrem o som ao jogar com o dispositivo na horizontal. Há promessa de alta qualidade com Dolby Atmos, acompanhado de certificações Hi-Res e Hi-Res Wireless, para reprodução de som de alta fidelidade mesmo via Bluetooth.

Os gatilhos magnéticos retráteis do Redmi K50 Gaming também estão presentes por aqui, ativando um modo gamer dedicado quando acionados, bem como o CyberEngine, um motor de vibração no eixo X significativamente maior que o de gerações passadas da linha. A Xiaomi trabalhou para oferecer padrões de vibração customizados para Free Fire, além de elementos da própria MIUI, como gestos, zoom da câmera, bússola, teclado, calculadora e mais.

Para câmeras, a empresa garante que o Poco F4 GT tem qualidade de imagem para oferecer ótimas imagens. Além de um sensor frontal de 20 MP, o smartphone conta com um conjunto de três lentes traseiras com sensor principal Sony IMX686 de 64 MP, ultrawide de 8 MP com campo de visão de 120° e uma lente macro de 2 MP. Há ainda um sensor de cintilância, para possibilitar o registro de telas sem que as fotos apresentem faixas pretas ou outros artefatos.

O Poco F4 GT chega nas cores preto, prata e amarelo (Imagem: Poco/YouTube)
O Poco F4 GT chega nas cores preto, prata e amarelo (Imagem: Poco/YouTube)

Completando o pacote, o novo topo de linha básico traz conectividade 5G e Wi-Fi 6E com função Multi-Link 5.0, que troca automaticamente entre as redes para sempre utilizar a conexão mais rápida, Bluetooth 5.2, NFC, leitor de digitais na lateral, sensor infravermelho para controle de outros dispositivos e Android 12, rodando sob a MIUI 13.

Preço e disponibilidade

O Poco F4 GT chega ao mercado internacional na próxima quinta-feira, 28 de abril, nas cores preto, prata e amarelo, tema da empresa. Os preços sugeridos são os seguintes:

  • 8 GB/128 GB — 599 euros (~R$ 3.170)

  • 12 GB/256 GB — 699 euros (~R$ 3.700)

Como de costume, um desconto para "Early Birds" será oferecido até 7 de maio, com a variante mais básica saindo por 499 euros (~R$ 2.650), e o modelo mais completo sendo vendido por 599 euros (~R$ 3.170).

Poco F4 GT: ficha técnica

  • Tela: AMOLED de 6,67 polegadas, resolução Full HD+ de 2400 x 1080 pixels, taxa de atualização de 120 Hz, amostragem de toque de 480 Hz, PWM Dimming de 1.920 Hz, HDR10+, profundidade de cor de 10-bit, Gorilla Glass Victus

  • Chipset: Qualcomm Snapdragon 8 Gen 1

  • Memória RAM: 8 GB ou 12 GB

  • Armazenamento interno: 128 GB ou 256 GB

  • Câmera traseira: 64 MP (Principal, f/1.7) + 8 MP (Ultrawide, f/2.2, 120°) + 2 MP (Macro, f/2.4)

  • Câmera frontal: 20 MP

  • Dimensões: 162,5 x 76,7 x 8,5 mm

  • Peso: 210 g

  • Bateria: 4.700 mAh com carregamento rápido de 120 W

  • Extras: 5G, Wi-Fi 6E, Bluetooth 5.2, NFC, leitor de digitais na lateral, áudio estéreo com 4 speakers otimizados pela JBL, sensor infravermelho

  • Cores: preto, prata e amarelo

  • Sistema operacional: Android 12, sob a MIUI 13

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos