Mercado fechará em 5 h 52 min
  • BOVESPA

    120.339,32
    +277,33 (+0,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.675,76
    -191,86 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,29
    -0,06 (-0,10%)
     
  • OURO

    1.787,10
    -6,00 (-0,33%)
     
  • BTC-USD

    54.567,16
    -936,60 (-1,69%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.272,02
    +28,96 (+2,33%)
     
  • S&P500

    4.165,15
    -8,27 (-0,20%)
     
  • DOW JONES

    34.003,69
    -133,62 (-0,39%)
     
  • FTSE

    6.913,72
    +18,43 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    28.755,34
    +133,42 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.188,17
    +679,62 (+2,38%)
     
  • NASDAQ

    13.883,75
    -35,50 (-0,26%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6138
    -0,0882 (-1,32%)
     

Plataforma de vídeos Dailymotion chega oficialmente ao Brasil

Felipe Ribeiro
·2 minuto de leitura

Uma das plataformas de vídeo mais famosas e utilizadas no mundo, a Dailymotion finalmente desembarcou no Brasil. Com mais de 300 milhões de usuários e 3,5 bilhões de vídeos assistidos em seu player, a plataforma agora terá suporte no país e será a ferramenta oficial de várias empresas, como Correio Brasiliense, Estado de Minas, Exame e TV Cultura, que publicarão seus conteúdos em vídeo por lá.

Pertencente ao grupo Vivendi, o Dailymotion tem mais de 300 milhões de usuários ativos, que consomem em média 3,5 bilhões de vídeos mensalmente. Segundo o Mobile Time, neste primeiro momento, a companhia francesa se concentra em quatro pilares: entretenimento, notícia, música e esportes, algo bem de acordo com o estilo da plataforma, que costuma organizar seus vídeos como em um site informativo.

Além do foco neste tipo de conteúdo, a Dailymotion promete se diferenciar das concorrentes com seu serviço de atendimento aos produtores de conteúdo. A plataforma francesa possui suporte total por e-mail 24 horas por dia, sete dias por semana.

Ela contará ainda com uma assessoria para a implementação do player de vídeo no site da empresa parceira, eliminando o trabalho técnico que o parceiro eventualmente precisaria ter. Esse suporte, em um primeiro momento, será feito via WhatsApp, com um profissional de TI à disposição.

Dailymotion organiza os vídeos de acordo com o tema, de modo bem organizado/ Imagem: Felipe Ribeiro/ Canaltech
Dailymotion organiza os vídeos de acordo com o tema, de modo bem organizado/ Imagem: Felipe Ribeiro/ Canaltech

Já com relação aos negócios, a Dailymotion promete ser menos burocrática se comparada com o YouTube, por exemplo. De acordo com a empresa, os anúncios nos vídeos podem ser inseridos de dois modos: a própria companhia que usa o serviço pode ir atrás de anunciantes ou o Dailymotion as oferece. Caso o parceiro opte pela ajuda da plataforma, os valores são divididos meio a meio.

A marca francesa promete métodos mais simples para monetização dos vídeos, sem a exigência de número mínimo de inscritos ou mitigação por algorítimos. No campo da segurança, contudo, os algorítimos serão utilizados para o controle do que é postado e o sistema promete detectar vídeos com morte, sexo ou outros temas sensíveis automaticamente — porém, isso deve contar com a ajuda de operadores humanos.

O Dailymotion terá escritório no Brasil, mas ainda não confirmou quando iniciará as operações. De acordo com a empresa, é possível que seja em um momento mais brando da pandemia do novo coronavírus.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: