Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.750,22
    +1.458,62 (+1,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    43.646,03
    -288,18 (-0,66%)
     
  • PETROLEO CRU

    46,09
    +0,45 (+0,99%)
     
  • OURO

    1.842,00
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    19.096,79
    +48,50 (+0,25%)
     
  • CMC Crypto 200

    365,19
    -14,05 (-3,71%)
     
  • S&P500

    3.699,12
    +32,40 (+0,88%)
     
  • DOW JONES

    30.218,26
    +248,74 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.550,23
    +59,96 (+0,92%)
     
  • HANG SENG

    26.835,92
    +107,42 (+0,40%)
     
  • NIKKEI

    26.751,24
    -58,13 (-0,22%)
     
  • NASDAQ

    12.509,25
    +47,00 (+0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2497
    +0,0137 (+0,22%)
     

Plataforma de inscrições para vacina da COVID no BR tem 600 mil acessos em 24h

Fidel Forato
·3 minuto de leitura

Em 24 horas, o governo de São Paulo recebeu 600 mil acessos em sua plataforma para captar interessadas em receber, de forma voluntária, a experimental vacina chinesa contra o novo coronavírus (SARS-CoV-2). São pessoas que, potencialmente, receberão a CoronaVac, vacina desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac Biotech, com participação do Instituto Butantan, contra a COVID-19.

Os dados de acessos foram divulgados pela Duosystem, empresa responsável pela tecnologia da plataforma de triagem, segundo a Folha de S.Paulo. No total da pesquisa fase 3 para aprovação do imunizante, nove mil pessoas serão selecionadas para integrarem os testes que acontecerão em São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraná e no Distrito Federal.

Página que procura voluntários para vacina chinesa contra o coronavírus recebe mais de 600 mil acesos em 24 (Imagem: reprodução/ Pixabay)
Página que procura voluntários para vacina chinesa contra o coronavírus recebe mais de 600 mil acesos em 24 (Imagem: reprodução/ Pixabay)

Como funciona?

Na plataforma do governo, o candidato deve responder a uma série de perguntas para verificar se corresponde aos critérios rígidos para participação da pesquisa. Isso porque os voluntários devem ser profissionais da saúde que estão enfrentando a epidemia da COVID-19, que não tenham sido contaminados pelo coronavírus ainda e que não estejam inscritos em outros testes para vacinas.

Além disso, grávidas não podem participar do processo de seleção e nem pessoas que precisem de medicações que alterem a resposta imune do organismo, como algumas doenças crônicas.

Após o voluntário ser aprovado na pré-seleção online pela plataforma, ele terá acesso aos endereços dos centros de pesquisa que devem ser procurados para, então, iniciar os processos. Vale ressaltar que todas as informações compartilhadas são sigilosas.

Entenda sobre os testes

A fase 3 de teste para a vacina chinesa será inciada no Brasil na próxima segunda-feira (20) com a participação de humanos, isso após o laboratório responsável ter realizado uma série de testes anteriores com a mesma fórmula, inclusive em animais.

Essa vacina, em fase de testes, é inativada, ou seja, contém apenas fragmentos inativos do coronavírus. Com a aplicação da dose, é esperado que o sistema imunológico de cada paciente comece a produzir anticorpos contra o vírus da COVID-19. No entanto, para o estudo, somente metade das pessoas receberá a vacina, enquanto a outra metade terá apenas um placebo, ou seja, uma substância inócua. Os voluntários não saberão o que irão receber.

Para se inscrever na pré-seleção da vacina para o novo coronavírus, o usuário pode acessar o cadastro clicando aqui.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: