Mercado abrirá em 4 horas 1 minuto
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,11 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,12 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,46
    +0,56 (+0,86%)
     
  • OURO

    1.836,50
    +5,20 (+0,28%)
     
  • BTC-USD

    58.422,49
    +172,71 (+0,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.562,04
    +126,26 (+8,79%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,26 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.140,21
    +10,50 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    28.595,66
    -14,99 (-0,05%)
     
  • NIKKEI

    29.518,34
    +160,52 (+0,55%)
     
  • NASDAQ

    13.662,50
    -47,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3645
    -0,0006 (-0,01%)
     

Plantio de trigo atinge 5% da área no Paraná; qualidade do milho piora novamente

·1 minuto de leitura
Lavoura de trigo

SÃO PAULO (Reuters) - O plantio de trigo alcançou 5% da área no Paraná, principal produtor do cereal no país, enquanto as lavouras de milho segunda safra que estão em desenvolvimento no Estado registraram nova piora na qualidade, informou terça-feira o Departamento de Economia Rural (Deral).

A semeadura do trigo de inverno encontra-se atrasada, visto que no mesmo período da temporada anterior os trabalhos já alcançavam 7% das áreas.

Esta foi a primeira vez que o Deral sinalizou a ocorrência de plantio de trigo na temporada 2020/21. No entanto, técnicos do departamento já haviam antecipado à Reuters que os primeiros talhões começaram a ser semeados no início de abril, em regiões mais precoces, mas ainda não haviam alcançado percentuais significativos.

Até o momento, 92% das lavouras do cereal de inverno são consideradas boas e 8% médias.

Já no milho, o cenário é mais crítico. A semeadura se manteve em 99%, em linha com as duas semanas anteriores, mas a qualidade caiu. Com um tempo mais seco desde o final de março, o Paraná continua vendo uma deterioração da qualidade da lavoura de milho "safrinha".

Segundo o Deral, 40% das lavouras de milho safrinha estão boas, ante 62% na semana anterior. As áreas em condições médias chegaram a 42%, versus 31% no mesmo comparativo, enquanto as áreas ruins já são 18%, ante 7% na semana passada.

Para o milho primeira safra, que está sendo colhido, os trabalhos chegaram a 97%, avanço de 2 pontos percentuais ante a semana anterior.

(Por Nayara Figueiredo)