Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,66 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,39 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,46 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.353,64
    +115,82 (+0,40%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

Placas de vídeo Intel Arc para desktop serão exclusivas da China no lançamento

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Em publicação no blog oficial da comunidade, a Intel confirmou que as placas gamer Arc para desktop serão exclusividade da China no período de lançamento, para chegar posteriormente ao mercado global. Além de atrasos no software, limitações na cadeia de produção e novos lockdowns decorrentes da pandemia seriam os responsáveis pela estratégia.

Intel Arc para desktop chega primeiro na China

Segundo o anúncio, desktops têm uma variação muito grande de hardware, incluindo memórias, placas-mãe e CPUs, o que incentivou a empresa a trabalhar inicialmente com a disponibilidade das placas através de fabricantes de desktop e varejistas especializadas em máquinas pré-montadas. Os primeiros modelos a estrear serão da série Arc A3, de entrada, que deve incluir GPUs como a Arc A350 e A380.

O ponto que chama atenção é a disponibilidade exclusiva na China em um primeiro momento, estratégia que não havia sido anunciada pela Intel durante a apresentação da família em março.

A gigante de Santa Clara explica que a decisão foi tomada pela "proximidade de fornecedores de componentes" e "a alta demanda por placas de entrada" no país. O próximo passo será disponibilizá-las globalmente, mas nenhum prazo foi dado.

Quando estrearem, "mais tarde no verão" norte-americano, as placas Intel Arc para desktop serão exclusivas da China em um primeiro momento (Imagem: Intel)
Quando estrearem, "mais tarde no verão" norte-americano, as placas Intel Arc para desktop serão exclusivas da China em um primeiro momento (Imagem: Intel)

Também foi confirmado que as mais avançadas Arc A5 e A7 serão disponibilizadas globalmente, mas em um prazo mais tardio e menos específico que o anunciado anteriormente — "mais tarde neste verão", ou inverno brasileiro, entre os meses de junho e setembro. O lançamento também será feito primeiro através de fabricantes e sistemas pré-montados, para então haver ampla disponibilidade no varejo.

Ainda de acordo com a Intel, a disponibilidade em fases ajuda a empresa a "ter confiança a cada etapa" para efetivamente atender às demandas dos consumidores.

Linha Arc mobile enfrentou problemas de software

Em outro trecho, a publicação trata do lançamento limitado da família Arc para notebooks e confirma alguns detalhes interessantes: a Intel afirma que planejava já ter ampla disponibilidade global nesse momento, mas que "problemas na preparação do software" e os lockdowns por surtos de covid-19 atrapalharam as previsões da marca e das fabricantes parceiras.

No entanto, isso deve começar a mudar a partir deste mês, com o lançamento de mais dispositivos.

Lockdowns e "problemas na preparação do software" teriam atrasado a disponibilidade global da linha Intel Arc mobile, mas a situação deve ser normalizada neste mês (Imagem: Reprodução/Intel)
Lockdowns e "problemas na preparação do software" teriam atrasado a disponibilidade global da linha Intel Arc mobile, mas a situação deve ser normalizada neste mês (Imagem: Reprodução/Intel)

Gigantes como Acer, ASUS, HP, Lenovo e Samsung estão trabalhando com a Intel para trazer aparelhos ao mercado o mais rápido possível.

Ainda assim, laptops mais potentes, com GPUs das séries Arc A5 e A7, manterão o cronograma de estrear "no início do verão", o que sugere disponibilidade entre os meses de junho e julho.

Os últimos detalhes confirmados pela companhia referem-se aos drivers, que receberão botões dedicados para ajustes precisos de desempenho, mas em um período posterior.

O atraso para liberação desses e outros recursos ocorreu em virtude de ideias mais ambiciosas do time azul, que pretende agrupar configurações e fornecer controles de gerenciamento de memória, dobragem constante, entre outros aspectos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos