Mercado fechado
  • BOVESPA

    100.591,41
    -172,59 (-0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.435,45
    +140,65 (+0,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    111,84
    +0,08 (+0,07%)
     
  • OURO

    1.821,20
    0,00 (0,00%)
     
  • BTC-USD

    20.318,47
    -410,24 (-1,98%)
     
  • CMC Crypto 200

    440,53
    -9,53 (-2,12%)
     
  • S&P500

    3.821,55
    -78,56 (-2,01%)
     
  • DOW JONES

    30.946,99
    -491,31 (-1,56%)
     
  • FTSE

    7.323,41
    +65,09 (+0,90%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    26.716,15
    -333,32 (-1,23%)
     
  • NASDAQ

    11.676,75
    +2,50 (+0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5436
    +0,0021 (+0,04%)
     

Pixel 7 Pro: pessoa usa protótipo por quase um mês sem saber

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Aparentemente, o Google está com graves dificuldades para guardar os segredos do Pixel 7 — ou melhor, os protótipos do celular. Após um exemplar do dispositivo aparecer à venda no eBay, uma pessoa revelou no Reddit que usou uma versão do Pixel 7 Pro por três semanas sem saber que estava com o novo aparelho da Gigante das Buscas em mãos.

Em uma publicação no subreddit dedicado ao Google Pixel, um usuário identificado como AMC20_ conta que comprou um Pixel 6 Pro no marketplace do Facebook. Após usar o celular por quase um mês, o aparelho começou a apresentar um comportamento estranho e parou de carregar o sistema Android.

Tudo indica que o Google conseguiu identificar que o protótipo do Pixel 7 Pro estava sendo usado por alguém não autorizado. Com isso, a fabricante pode ter bloqueado o exemplar remotamente para impedir o uso.

Imagens compartilhadas pelo usuário do Reddit mostram protótipo do Pixel 7 Pro (Imagem: Reprodução/Reddit)
Imagens compartilhadas pelo usuário do Reddit mostram protótipo do Pixel 7 Pro (Imagem: Reprodução/Reddit)

A veracidade do vazamento foi comprovada com as duas fotos compartilhadas pelo usuário do Reddit. As imagens mostram que o aparelho na cor Obsidian – tom bem semelhante ao Stormy Black do Pixel 6 Pro –, indicando que os dispositivos podem compartilhar a mesma tecnologia no interior.

Segundo o AMC20_, o protótipo do Pixel 7 Pro passou a exibir apenas o menu de recuperação de inicialização rápida do Android após o bloqueio. Então, é possível ver que o celular possui o codinome “Cheetah” e está equipado com o modem Samsung Exynos 5300.

Essas informações batem com antigos vazamentos sobre a série Pixel 7 encontrados pelo 9to5Google em fevereiro deste ano. Lembrando que a marca sul-coreana pode ser a responsável pela fabricação da segunda geração do chip Tensor do Google.

Para mais, o exemplar do Pixel 7 Pro apresenta 12 GB de memória RAM (LPDDR5) e 256 GB de armazenamento interno. Essas configurações são bem parecidas com as atuais opções disponíveis para o Pixel 6 Pro.

Outros protótipos do Pixel 7 também estão sendo vendidos no Facebook como o atual Pixel 6 (Imagem: Twitter/Brandon Lee)
Outros protótipos do Pixel 7 também estão sendo vendidos no Facebook como o atual Pixel 6 (Imagem: Twitter/Brandon Lee)

Facebook: o novo mercado de protótipos

A história sobre os protótipos do Pixel 7 sendo vendidos no marketplace do Facebook parece fazer bastante sentido. Recentemente, a equipe do This Is Tech Today também encontrou a versão padrão do novo dispositivo do Google na rede social da Meta.

Conforme o colunista Brandon Lee, a pessoa que está vendendo os exemplares é bem descuidada e deixou todos os dados pessoais públicos, o que pode facilitar o trabalho da Gigante das Buscas para identificar a fonte do vazamento dessas unidades.

Apesar de ter sido anunciada no início de maio durante o Google I/O 2022, a linha Pixel 7 está prevista para ser lançada oficialmente apenas entre setembro e dezembro de 2022. Portanto, até lá é possível que novos protótipos continuem aparecendo no “mercado”.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos