Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.575,47
    +348,38 (+0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    41.674,30
    -738,17 (-1,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,53
    -0,18 (-0,39%)
     
  • OURO

    1.788,10
    -23,10 (-1,28%)
     
  • BTC-USD

    18.184,78
    +416,72 (+2,35%)
     
  • CMC Crypto 200

    333,27
    -4,23 (-1,25%)
     
  • S&P500

    3.638,35
    +8,70 (+0,24%)
     
  • DOW JONES

    29.910,37
    +37,90 (+0,13%)
     
  • FTSE

    6.367,58
    +4,65 (+0,07%)
     
  • HANG SENG

    26.894,68
    +75,23 (+0,28%)
     
  • NIKKEI

    26.644,71
    +107,40 (+0,40%)
     
  • NASDAQ

    12.257,50
    +105,25 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3746
    +0,0347 (+0,55%)
     

Pixel 5 tem bom desempenho em teste de câmera, mas fica fora do top 10

Felipe Junqueira
·3 minuto de leitura

O Google Pixel 5 passou por avaliação do DxOMark e conquistou pontuação de câmera pouca coisa melhor que o seu antecessor, ficando ainda abaixo de concorrentes de peso, especialmente modelos chineses e os topo de linha da Samsung de 2020. Com 120 pontos, o celular ficou na 15ª posição geral do benchmark de fotografia e vídeo.

Apesar disso, há vários pontos que precisamos levar em consideração ao falar em DxOMark. A avaliação é basicamente técnica, e há vários critérios que fabricantes chinesas aproveitam para saltar alguns pontos na classificação final. Como todo benchmark, é uma análise que deve ser levada em conta com cuidado, com a vantagem que podemos ler mais detalhes para compreender a real qualidade da câmera.

Antes de falar sobre as fotos e vídeos captados com o Pixel 5, vamos esmiuçar o hardware do conjunto para quem está interessado nesses detalhes. O celular do Google tem uma lente wide de 12,2 MP, com um sensor de 1/2,55 polegadas com pixels de 1,4 µm, em uma lente equivalente a 27 mm de abertura f/1.7. O sensor secundário, ultra-wide, tem 16 MP de 1/3,09 polegadas com pixels de 1 µm e lente equivalente a uma 16,5 mm com abertura f/2.2.

Em outras palavras, a câmera ultrawide tem resolução máxima maior, mas pixels e abertura menores, com isso tem mais dificuldade em registrar detalhes porque capta menos luz, o que exige ISO ou tempo de exposição maiores para exibir uma imagem final com a mesma claridade da câmera principal.

Google Pixel 5: pontos fortes e fracos da câmera

Pontuação final do Pixel 5 (Imagem: Reprodução/DxOMark)
Pontuação final do Pixel 5 (Imagem: Reprodução/DxOMark)

O DxOMark lista alguns pontos positivos e negativos das câmeras que testa, e com o Pixel 5 não foi diferente. Curiosamente, o benchmark apontou uma fraqueza a mais do que vantagem no celular do Google, isso considerando fotos e vídeos, claro. No geral, as imagens paradas são o grande ponto forte do aparelho, enquanto o vídeo puxa um pouco a nota final para baixo.

Entre os pontos positivos em fotos e vídeo estão o autofoco, rápido e preciso, cores vívidas e brilhantes, exposição do objeto da imagem geralmente preciso. Apenas em fotos, foram citados o balanço de branco preciso em fotos externas, exposição boa na ultra-wide e satisfatória com flash no modo retrato, e prévia confiável da imagem antes de fazer a captura.

Já entre os pontos negativos, a análise detectou que há ruídos — ou “sujeira” — visíveis em todas as condições e erros no balanço de branco em pouca luz, tanto em foto quanto vídeo. Nas fotografias, houve erros na exposição do objeto da imagem e na profundidade de campo em algumas fotos, além da ausência de prévia do desfoque no modo retrato, “franjas” coloridas em ambientes externos, poucos detalhes com zoom.

Em vídeo, os problemas são de falta de detalhes e “efeito fantasma” com pouca luz e mudanças de quadros em todas as condições de luz. Já a estabilização foi o maior destaque.

Google Pixel 5: posição no ranking

Considerando que o celular do Google é praticamente um intermediário, inclusive no preço, com alguns recursos de topo de linha, sua pontuação no DxOMark foi muito boa. O smartphone ficou abaixo apenas de modelos considerados os melhores de cada marca, incluindo Xiaomi, Huawei, Oppo, Vivo e Samsung. Veja a lista abaixo:

  1. Huawei Mate 40 Pro: 136 pontos

  2. Xiaomi Mi 10 Ultra: 133 pontos

  3. Huawei P40 Pro: 132 pontos

  4. Xiaomi Mi 10 Pro: 128 pontos

  5. Vivo X50 Pro+: 127 pontos

  6. OPPO Find X2 Pro: 126 pontos

  7. Samsung Galaxy S20 Ultra: 126 pontos

  8. Honor 30 Pro+: 125 pontos

  9. Apple iPhone 11 Pro Max: 124 pontos

  10. Huawei Mate 30 Pro: 123 pontos

  11. Honor V30 Pro: 122 pontos

  12. Samsung Galaxy Note 20 Ultra: 121 pontos

  13. Huawei Mate 30 Pro: 121 pontos

  14. Google Pixel 5: 120 pontos

O que achou do resultado do Pixel 5 no DxOMark, justo ou esperava mais? Conte nos comentários.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: