Mercado abrirá em 7 h 35 min
  • BOVESPA

    100.552,44
    +12,44 (+0,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.669,25
    +467,45 (+1,22%)
     
  • PETROLEO CRU

    39,79
    -0,24 (-0,60%)
     
  • OURO

    1.916,50
    -13,00 (-0,67%)
     
  • BTC-USD

    12.775,52
    +1.718,51 (+15,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    256,11
    +11,22 (+4,58%)
     
  • S&P500

    3.435,56
    -7,56 (-0,22%)
     
  • DOW JONES

    28.210,82
    -97,98 (-0,35%)
     
  • FTSE

    5.776,50
    -112,72 (-1,91%)
     
  • HANG SENG

    24.699,11
    -55,31 (-0,22%)
     
  • NIKKEI

    23.447,02
    -119,98 (-0,51%)
     
  • NASDAQ

    11.619,25
    -72,00 (-0,62%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6413
    -0,0087 (-0,13%)
     

Pix: usuário não poderá fazer transações usando apenas conta salário

Redação Finanças
·2 minutos de leitura
Divulgação/Banco Central
Divulgação/Banco Central

O novo meio de pagamento instantâneo através do Pix estará disponível a partir do dia 16 de novembro para quem tem conta em banco ou em uma fintech. Mas as operações com Pix não serão possíveis com qualquer tipo de conta. O usuário poderá usar a conta corrente, individual ou conjunta, e conta poupança. Não será permitido fazer transações a partir de conta salário.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

De acordo com informações do Banco Central, a conta salário não é elegível para fazer e receber Pix, pois não é conta "transacional". Conta transacional é aquela usada para realizar pagamentos, como conta corrente, conta poupança, conta de pagamento.

Leia também

Já a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) diz que a conta salário, por regulamentação do Banco Central, não pode receber créditos que não seja do próprio empregador, portanto, de acordo com as características reguladas para este tipo de conta, não será possível transacionar o Pix a partir dela.

Em muitos casos, os consumidores que possuem uma conta-salário têm uma conta corrente ou poupança atrelada a ela o que vai permitir o uso do Pix.

Confira tudo sobre PIX:

Chave Pix

As contas serão usadas para fazer as transações e para gerar as chaves do Pix. As chaves podem ser CPF, CNPJ, número de telefone, e-mail ou código aleatório gerado pelo sistema bancário. Uma mesma chave não pode ser registrada em contas diferentes. Ela não é obrigatória, mas vai facilitar as transações.

Se você cadastrar seu e-mail como chave na conta de um banco, por exemplo, não precisa passar seus dados bancários para receber: com seu e-mail, a pessoa que vai te pagar já consegue fazer uma transferência para você via Pix.

Mas se o usuário cadastrou a chave em uma conta e depois mudou de ideia, será possível pedir a portabilidade de chaves para outra instituição financeira.

Para o cliente pessoa física será permitida a criação de até 5 chaves por conta. Já para o cliente PJ, poderão ser criadas até 20 chaves por conta.

Do EXTRA

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube