Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.316,16
    -1.861,39 (-1,63%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.774,91
    -389,10 (-0,71%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,38
    -1,63 (-2,01%)
     
  • OURO

    1.927,60
    -2,40 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    22.970,81
    +80,08 (+0,35%)
     
  • CMC Crypto 200

    526,66
    +9,65 (+1,87%)
     
  • S&P500

    4.070,56
    +10,13 (+0,25%)
     
  • DOW JONES

    33.978,08
    +28,67 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.765,15
    +4,04 (+0,05%)
     
  • HANG SENG

    22.688,90
    +122,12 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    27.382,56
    +19,81 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.221,00
    +114,25 (+0,94%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5462
    +0,0265 (+0,48%)
     

Pior ano para Tesla gera US$ 17 bi para quem apostou contra

(Bloomberg) -- Os investidores que apostaram contra Tesla em 2022 colheram os resultados que esperavam, com as ações da fabricante de veículos elétricos prestes a fechar seu pior ano desde que estrearam em Nova York.

As posições vendidas em ações da empresa vão dar um lucro de cerca de US$ 17 bilhões na marcação a mercado em 2022, o que torna a Tesla, em tese, a operação a descoberto mais lucrativa do ano, segundo dados da S3 Partners.

A Tesla despencou 42% apenas em dezembro, e no ano a perda é de 68% — uma guinada radical para uma ação que disparou durante a era de juros baixos da pandemia.

É uma vitória rara para as posições vendidas, com retorno de 89% após vários anos de perdas nas apostas contra a montadora, disse Ihor Dusaniwsky, da S3. Cerca de 2,9% das ações em circulação da Tesla estão em posições vendidas, segundo a S3.

A Tesla enfrentou um ano tumultuado, com investidores fugindo de ativos de risco devido a incertezas geopolíticas, inflação alta, aumento de juros e uma possível recessão.

Para agravar a situação, vieram as preocupações de que o CEO da Tesla, Elon Musk, desviou seu foco para sua recém-adquirida empresa de mídia social, o Twitter, bem no momento em que as perspectivas de demanda por veículos elétricos piora.

Dusaniwsky espera que as vendas a descoberto da ação persistam até que o papel chegue ao fundo do poço. E analistas e investidores ainda têm dificuldade em prever quando isso vai acontecer.

A empresa, que ofereceu grandes descontos aos compradores nos EUA, vai divulgar os números de entregas do quarto trimestre no início do próximo mês.

Mesmo que o preço das ações comece a se recuperar, sua notória volatilidade pode continuar, de acordo com Dusaniwsky.

“Quando as ações da Tesla começarem a subir, deve haver uma enxurrada de desmonte de posições a descoberto que ajudará a impulsionar o preço das ações mais alto e mais rápido, à medida que os vendedores a descoberto de curto prazo procuram realizar seus enormes lucros antes que evaporem”, disse ele.

More stories like this are available on bloomberg.com

©2022 Bloomberg L.P.