Mercado abrirá em 5 h 51 min
  • BOVESPA

    108.714,55
    +2.418,37 (+2,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.833,80
    -55,86 (-0,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,69
    -0,07 (-0,08%)
     
  • OURO

    1.806,10
    -0,70 (-0,04%)
     
  • BTC-USD

    62.320,10
    +408,85 (+0,66%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.498,29
    +1.255,61 (+517,40%)
     
  • S&P500

    4.566,48
    +21,58 (+0,47%)
     
  • DOW JONES

    35.741,15
    +64,13 (+0,18%)
     
  • FTSE

    7.222,82
    +18,27 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    25.971,39
    -160,64 (-0,61%)
     
  • NIKKEI

    29.116,34
    +515,93 (+1,80%)
     
  • NASDAQ

    15.568,50
    +72,75 (+0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4331
    -0,0032 (-0,05%)
     

Pigossi bate equatoriana e vai à final em Medellín

·1 minuto de leitura


Principal favorita no ITF US$ 25 mil de Medellín, na Colômbia, a paulistana Laura Pigossi, 311ª da WTA, está na final do torneio após superar a equatoriana Mell Elizaberth Reasco Gonzalez, 621ª, e sexta favorita. Brasileira ainda joga hoje a final de duplas.

Já habituada à altitude de Medellín, Pigossi precisou de 1h19 para fechar o placar em 6/4 6/1 tendo vencido 59% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 40% de aproveitamento da equatoriana, que cometeu o mesmo número de duplas-faltas da brasileira, dois.

A medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio, encara a local Emiliana Arango, 386ª e segunda favorita, que superou a brasileira Thaísa Pedretti, 495ª e terceira favorita, com placar de 6/0 6/2.

Pigossi ainda joga hoje a final de duplas em Medellín. Jogando ao lado da local Maria Fernanda González, com quem forma a parceira cabeça de chave 2, contra as principais favoritas a mexicana Victoria Rodriguez e a americana Rasheeda McAdoo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos