Mercado fechado

PIB de Hong Kong registra queda histórica de 6,1% em 2020

·1 minuto de leitura
A economia de Hong Kong sofreu um revés histórico em 2020, na esteira da pandemia e dos protestos pró-democracia

A economia de Hong Kong caiu 6,1% em 2020, algo inédito para a cidade-Estado, afetada pela pandemia do coronavírus e no âmbito de maior controle do poder central chinês contra o movimento de protesto pró-democracia.

O Produto Interno Bruto (PIB) caiu 3% ano a ano no último trimestre de 2020, confirmando uma queda recorde para todo o ano, informou o governo nesta sexta-feira.

"Agora que a estabilidade social foi restaurada em Hong Kong, a severa contração do ano passado se deve principalmente às consequências da pandemia de covid-19", disse um porta-voz do governo em um comunicado.

Há vários meses, Hong Kong tem estado sob maior controle do poder central chinês, que respondeu ao enorme movimento de protesto popular de 2019 impondo uma lei de segurança nacional draconiana na região semi-autônoma.

A ex-colônia britânica registra, assim, seu segundo ano consecutivo de recessão, já que em 2019 sua economia caiu 1,2% como resultado da guerra comercial entre a China e os Estados Unidos e meses de protestos pró-democracia.

yz-jta/axn/esp/sr/mar/eg/mr