Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    47.284,73
    -400,94 (-0,84%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Petrobras recebe US$2,9 bi de sócias chinesas por coparticipação em Búzios

·1 minuto de leitura
Plataforma de produção de petróleo na bacia de Santos, no Rio de Janeiro

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras recebeu nesta terça-feira o pagamento à vista de 2,9 bilhões de dólares referente às obrigações das parceiras chinesas CNODC e CNOOC no acordo de coparticipação do campo de Búzios, no pré-sal da Bacia de Santos, informou a empresa em fato relevante.

Agora, a estatal emitirá o certificado de adimplência para a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), última etapa para que o acordo entre em vigência em 1º de setembro.

O acordo já havia sido aprovado pela ANP no início deste mês.

"A partir da vigência do acordo, as empresas CNODC e CNOOC têm até 30 dias corridos para manifestarem interesse no exercício da opção de compra de parcela adicional, de 5% cada uma, no Contrato de Partilha de Produção do Excedente da Cessão Onerosa", afirmou a Petrobras.

Atualmente, a petroleira brasileira detém 90% dos direitos de exploração e produção do volume excedente da cessão onerosa do campo de Búzios, enquanto CNODC e CNOOC possuem 5% cada.

(Por Gabriel Araujo)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos