Mercado fechará em 1 h 46 min
  • BOVESPA

    129.974,75
    +533,72 (+0,41%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.274,27
    -12,19 (-0,02%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,82
    -0,09 (-0,13%)
     
  • OURO

    1.865,00
    -14,60 (-0,78%)
     
  • BTC-USD

    40.132,79
    +2.735,65 (+7,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.002,99
    +34,15 (+3,52%)
     
  • S&P500

    4.235,99
    -11,45 (-0,27%)
     
  • DOW JONES

    34.226,55
    -253,05 (-0,73%)
     
  • FTSE

    7.146,68
    +12,62 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.161,80
    +213,07 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    14.069,00
    +74,75 (+0,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1525
    -0,0401 (-0,65%)
     

Petrobras realiza parada programada na refinaria Rnest entre junho e agosto

·1 minuto de leitura
Logo da Petrobras

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras vai realizar a primeira parada programada geral para manuteção na Refinaria Abreu e Lima (Rnest), em Pernambuco, entre junho e agosto, que irá abranger todas as unidades do trem de refino 1, informou a companhia em nota à Reuters, após ser consultada.

A refinaria tem capacidade para processar 230 mil barris de petróleo por dia, segundo dados da petroleira.

As unidades de Destilação, Coqueamento Retardado, Hidrotratamento de Diesel e Nafta, Geração de Hidrogênio e de Tratamentos serão inspecionadas conforme estabelece a regulação e cada uma terá seu prazo específico de manutenção, de acordo com a complexidade e quantidade de serviços, disse a empresa.

Haverá também parada parcial nos equipamentos das áreas de Utilidades e de Transferência e Estocagem.

"A Rnest contará com empresas contratadas para atendimento ao escopo da parada, trabalhando em dois turnos, para manutenção de aproximadamente 1.200 equipamentos e sistemas, entre permutadores de calor, torres, vasos, máquinas rotativas, tubulações, entre outros", disse a empresa.

A petroleira informou ainda que realiza também paradas em unidades na Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), que serão concluídas ao longo de junho.

Nesse caso da Repar, a parada da Unidade de Propeno teve seu início em 12 de abril, conforme programação anterior. Já as paradas das unidades de Craqueamento Catalítico Fluido e Hidrodessulfurização de Nafta Craqueada foram reprogramadas, tendo sido iniciadas em 26 de abril.

A Repar tem capacidade para processar 207.563 barris por dia.

(Por Marta Nogueira)